“Dificilmente regulamentação da tabela do frete saí”, declara deputado federal

Na próxima semana, no dia 22, o governo federal anunciará se regulamenta ou não a Tabela de Frete Mínimo. Entretanto, na opinião do meio político e do transporte a regulamentação pode não sair, o que levará os caminhoneiros a fecharem as rodovias federais, novamente, às 00h do dia 23. Segundo o deputado federal, Nilson Leitão (PSDB-MT), “mais uma vez os caminhoneiros foram enganados”.

Para o parlamentar o governo federal protelou, enrolou e passou à frente a questão da Tabela do Frete Mínimo. “Não acredito que o governo vá ceder. A única coisa que o governo federal tem que fazer para resolver o problema está em um item só: a redução do custo do óleo diesel”, declarou Nilson Leitão ao Agro Olhar.

De acordo com Nilson Leitão, a regulamentação da tabela solicitada pelos caminhoneiros dificilmente saíra. O deputado federal por Mato Grosso explica que a regulamentação necessita de Lei. 

“Você não faz ela (regulamentação) através de decreto. Se a presidente está vendo isso através de decreto está incorrendo aí a um erro enorme. Precisa de tramitação no Congresso Nacional e tudo o mais. Eu acho que mais uma vez os caminhoneiros foram enganados. Agora se tiver uma saída jurídica para isso até claro que nós apoiaremos”, ressaltou Nilson Leitão.

FONTE: Agro Olhar  / Caminhões e Carretas

Comentarios