XV Seminário Brasileiro do TRC trata os problemas do setor em Brasília

A 15ª edição do Seminário Brasileiro do Transporte Rodoviário de Cargas foi realizada ontem (29/04), em Brasília, no Auditório Nereu Ramos na Câmara dos Deputados, onde reúne políticos, líderes sindicais, empresários e executivos do setor do Transporte Rodoviário de Cargas.

 A deputada Clarissa Garotinho, presidente da Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados, realizadora do evento, presidiu a mesa de abertura e disse, durante seu discurso, que “a predominância do transporte rodoviário no Brasil é impressionante, e pensar que mais de 60% das nossas riquezas são transportadas por este modal assusta”.

 Para a deputada, esse cenário reflete o aumento de roubo de cargas que cresce ano após ano. “Sabemos que precisamos solucionar este problema o mais rápido possível, senão teremos um cenário de caos em nosso país. Queremos contribuir com legislação, apoio a políticas públicas com o Ministério dos Transportes e, para isso, coloco a Comissão de Viação e Transportes à disposição para que possamos auxiliar nesse trabalho”, finalizou.

 seminario trc

 O presidente da NTC&Logística (Associação Nacional do Transporte de Cargas & Logística), José Hélio Fernandes, ressaltou a importância do evento para o setor, que é palco de discussões acaloradas, mas sempre produtivas. “São inegáveis as conquistas obtidas neste período, que provaram que o transporte rodoviária de cargas não é uma ilha no caldo social, político e econômico do país. Todavia, há ainda muito que fazer, como demonstram os temas escolhidos pela Comissão de Viação de Transportes para este ano: roubo de cargas e leis trabalhistas”, salientou Fernandes.

IMG_8451

Flávio Benatti, presidente da Seção de Cargas da CNT (Confederação Nacional do Transporte) e presidente do FETCESP (Federação das Empresas de Transporte de Carga do Estado de São Paulo), foi outra liderança do setor que se pronunciou.

 Autor do requerimento para a realização do Seminário Brasileiro, o deputado Gonzaga Patriota, também compôs a mesa de abertura, ao lado de José Eduardo Vaz Albanesi, representante do Ministério dos Transportes, Fábio Elissandro Cassimiro Ramos, representante do Ministro de Estado da Justiça, e Fernando Donato Vasconcelos, representante do Ministério de Estado do Trabalho e Emprego, que falou sobre a importância do governo trabalhar na redução das mortes no trabalho, que hoje são extremamente altas, e que não podem sair da pauta dos governantes.

Palestra de Abertura

O diretor da CNT, conselheiro e ex-presidente da NTC, Geraldo Viana, foi responsável pela palestra de abertura na qual fez um “Panorama Econômico do Transporte Rodoviário de Cargas”. O diretor iniciou com a apresentação de números atualizados da matriz de transporte que existe hoje e também a previsão do governo para 2025. De acordo com o Plano Nacional elaborado pelo Ministério dos Transportes, a previsão é termos 1% no modal aéreo, 5% dutoviário, 29% hidroviário, 30% rodoviário e 35% ferroviário.

 Participaram da mesa também a Deputada Clarissa Garotinho, o coronel Paulo Roberto de Souza, assessor de segurança da NTC, Fábio Elissandro Cassimiro Ramos e o Deputado Diego Andrade. Após a palestra de abertura, haverá uma apresentação sobre o “Roubo de Cargas no Brasil” e no período da tarde serão abordadas “Questões Trabalhistas no Transporte Rodoviário de Cargas”.

fonte: Ntc&Logistica

Comentarios