Caminhoneiro do ES grava vídeo de radar que marca velocidade errada

Velocímetro marcava 35 km/h quando o radar registrou 75 km/h.  Dnit disse que, se for comprovado o erro do radar, a multa será cancelada.

Um caminhoneiro gravou um vídeo mostrando que um radar da BR-381, que liga São Mateus a Nova Venécia, no Espírito Santo, marca velocidade superior à velocidade do veículo. O velocímetro do veículo marcava 35 km/h, mas o radar marcou 75 km/h.

No mês de maio, dois motoristas receberam multas por estarem dirigindo a 255 km/h. Após eles provarem que seus carros não atingem essa velocidade, o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit-ES) cancelou as multas.

O vídeo mostra o caminhoneiro Marcell Altoé Boldini passando por uma via com limite de velocidade de 40 km/h a 35 km/h, de acordo com velocímetro do veículo. Nesse momento, o radar marcou a velocidade de 75 km/h.

O Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit) informou que, se for comprado o erro do radar, o motorista não será multado.

Outros casos
Uma motorista foi multada por dirigir a 255 km/h na BR-101, na Serra, Grande Vitória. Na via, a velocidade permitida é de até 60 km/h. Ao receber a notificação, neste mês de maio, a empresária Sueli Gama alegou que o veículo só alcança o limite de 220 km/h.

O professor Kleber Monteiro foi multado por dirigir a uma velocidade de 255 km/h na Rodovia do Contorno, em Cariacica, região Metropolitana. Ele já havia entrado com recurso pedindo a anulação da multa, mas teve o pedido negado pelo Dnit.

O Dnit informou que as duas multas foram canceladas.

Fábio LinharesDo G1 ES e da TV Gazeta

Comentarios