Brasil já tem mais de 120 associações de proteção veicular para caminhoneiros

Dados informados pelo presidente da Federação Nacional das Associações de Caminhoneiros e Transportadores (Fenacat), Luiz Carlos Neves, durante a primeira audiência pública sobre o PL 3139/15, realizada no plenário da Câmara, indicam que já estão em plena atividade no Brasil 182 associações de caminhoneiros, com mais de 59 mil associados. Desse total, 67% (122) oferecem um “sistema de proteção e autogestão” aos associados, de acordo com pesquisa realizada pela Fenacat.

Do total, 46 associações estão localizadas em Minas Gerais, 44 em São Paulo e 19 no Paraná, estados onde é mais intensa a atuação desse mercado marginal.

A atividade irregular está espalhada por todas as regiões do Brasil, sendo mais intensa no Sudeste, onde atuam 59% das associações, e no Sul (25%). Outros 8% estão no Nordeste; 7% no Centro-Oeste e 1% na Região Norte.

O PL 3139, de autoria do deputado Lucas Vergílio (SD-GO), proíbe associações e cooperativas de comercializarem contratos de natureza securitária.

Nessa primeira audiência pública foram ouvidos apenas representantes da proteção veicular. No próximo dia 09 de novembro serão convidadas lideranças do mercado de seguros. Uma terceira audiência deverá ocorrer ainda em novembro.

Fonte: C q c s

Comentarios