SEST SENAT oferece cursos customizados para o setor de transporte

Na Cooperativa Central Aurora Alimentos, treinamento ajudou a reduzir em 42% número de acidentes

Instituição atende a necessidades específicas de empresas; 9.000 matrículas foram realizadas neste ano

Qualificar profissionais para o mercado de trabalho, garantindo a prestação de serviços cada vez mais eficientes. Esse é o foco principal do programa de desenvolvimento profissional do SEST SENAT. A instituição, além de oferecer gratuitamente mais de 400 cursos presenciais e 200 a distância dentro do portfólio nacional, tem trabalhado com a customização de conteúdos para atender às demandas específicas das empresas do setor de transporte de cargas e de passageiros.
Atualmente, o SEST SENAT disponibiliza mais de 50 cursos customizados, entre livres e outros que abordam temas regulamentados por legislações estaduais ou municipais. De janeiro a julho deste ano, as mais de 140 unidades do SEST SENAT em funcionamento em todo o país contabilizaram, aproximadamente, 9.000 matrículas nos treinamentos criados sob medida.
De acordo com a diretora-executiva nacional do SEST SENAT, Nicole Goulart, a elaboração de conteúdos específicos é importante para atender os trabalhadores do setor de transporte e as transportadoras de acordo com as especificidades e o nicho de mercado em que atuam. “Existem legislações diferentes em Estados e municípios e precisamos estar atentos a isso. Com a customização, podemos capacitar os trabalhadores de forma que eles possam atender às demandas que surgem em seus locais de trabalho.”
Esse é o caso da unidade de Chapecó (SC), que ofereceu o curso de atualização de direção preventiva para a BRF. A reciclagem anual dos motoristas é uma exigência da empresa. Para isso, o SEST SENAT organiza o conteúdo, que é modificado a cada ano, para ampliar o conhecimento dos motoristas sobre o tema. O curso tem carga horária de 8 horas/aula e é realizado na unidade em turmas semanais, em horários diferenciados, atendendo às necessidades da empresa.
Segundo a diretora do SEST SENAT Chapecó (SC), Geila Beck, o treinamento é oferecido desde 2012 e já rende bons frutos. “É muito gratificante ver um projeto crescer. Após o sucesso do trabalho com a BRF, buscamos outras empresas seguindo o mesmo modelo e esperamos aumentar ainda mais o número de atendimentos nesse formato”, afirma ela.
O conteúdo também passou a ser oferecido para a Cooperativa Central Aurora Alimentos e, em 2016, contribuiu para a redução de 42% no número de acidentes. “Estamos satisfeitos com os resultados, mas queremos reduzir ainda mais esse índice. Por isso, manteremos os treinamentos anuais e ajustaremos as abordagens e os temas conforme o contexto que enfrentamos e as oportunidades de melhoria”, relata o coordenador de transportes da cooperativa, Elton Strada. Na visão dele, o treinamento é um método eficiente para sensibilizar os motoristas.
Em Curitiba (PR), o SEST SENAT desenvolveu o curso Ética, Responsabilidade e Motivação, para a Rimatur Transportes. Segundo o diretor-geral da empresa, Emerson Imbronizio, o principal motivo para a escolha da instituição para elaborar o conteúdo foi a expertise em temas específicos do transporte. “O SEST SENAT passou a ouvir a nossa necessidade e isso tem refletido em resultados positivos”, comenta.
Na unidade de Cariacica (ES), o curso Capacitação de Mão de Obra foi feito para atender às legislações municipais, e partiu de uma demanda do setor de transporte urbano. A parceria do GVBus (Sindicato das Empresas Metropolitanas da Grande Vitória) com o SEST SENAT buscou alinhar os cursos às necessidades das empresas que atuam na Grande Vitória. A montagem do conteúdo contou com a contribuição de todas as transportadoras que operam o serviço intermunicipal. “Buscamos um curso que agregasse valor e ajustasse a operação às necessidades da empresa e do setor de transporte urbano. E o resultado é que agora temos uma equipe mais coesa e um serviço de melhor qualidade. Ao investirmos nos recursos humanos, elevamos a competitividade das empresas e damos a oportunidade de crescimento pessoal para os trabalhadores”, destaca o membro do comitê-executivo da GVBus, Anderson Lopes.
Para a diretora do SEST SENAT de Cariacica (ES), Edilene Marcolano, a customização é importante para adequar e, em certos momentos, até criar novos conteúdos alinhados com as demandas das regiões onde as unidades operacionais estão localizadas. “Inicialmente, nossos materiais são criados para atender às demandas nacionais, mas a ideia da elaboração dos cursos sob medida é oferecer materiais especiais. Havendo necessidade e demanda, estamos à disposição para elaborar conteúdos novos aos trabalhadores e às empresas do setor de transporte”, conclui.
Essa foi a experiência da empresa Ibor Transporte Rodoviário de Juiz de Fora (MG). A transportadora precisava treinar os motoristas para a utilização de um novo sistema de registros de informações durante as viagens. Para a construção do curso SMS Integrado, os profissionais do SEST SENAT vivenciaram a realidade dos profissionais para elaborar um conteúdo que oferecesse um treinamento rápido e eficaz.
“Procuramos o SEST SENAT para que pudéssemos ter um resultado melhor nos treinamentos. Os instrutores da unidade passaram três meses na empresa participando dos nossos treinamentos específicos da área de transporte, observando nossa rotina e acompanhando nossa necessidade. Eles vivenciaram a nossa realidade e transformaram em um treinamento. Os resultados foram muito positivos”, finaliza o instrutor de motoristas da Ibor, João Tibúrcio.
Para saber mais sobre os cursos Acesse:
https://ead.sestsenat.org.br/

Comentarios