Mercedes-Benz dispara na liderança de pesados em outubro

No mês passado marca registrou crescimento de 147% nas vendas do segmento com mais 1 mil unidades negociadas

Com o desempenho que vem apresentando ao longo do ano no segmento de caminhões pesados, será tarefa difícil para as marcas concorrentes tirar a liderança da Mercedes-Benz na categoria com pouco menos de dois meses para encerrar o ano.

Somente no mês passado, segundo os números da Anfavea, a associação que reúne as montadoras no País, a fabricante de São Bernardo do Campo (SP) negociou 1.034 caminhões pesados, um crescimento de 147,4% no confronto com as vendas de outubro de 2017, quando vendeu 418 unidades.

O resultado apurado representou uma participação de 29,3% das vendas de pesados em outubro de 3.522 caminhões, em alta de 78,4% sobre as 1.974 unidades vendidas no mesmo mês do ano passado.

Publicidade:

anuncio

A montadora que mais perto chegou da Mercedes-Benz no desempenho mensal foi a Volvo ao registrar 970 caminhões licenciados em outubro, volume que proporciona à montadora de Curitiba (PR) participação de 27,5% das vendas do mês na categoria e expansão de 66,1% ante as 584 unidades emplacadas em outubro de 2017.

No acumulado do ano também a marca da estrela de três pontas coloca boa vantagem em relação às demais. Nos dez primeiros meses do ano suas vendas no segmento de pesados somam 7.674 caminhões, em alta de 93,6% na comparação com o volume apurado há um ano, de 3.964 unidades negociadas. O resultado representa na categoria, com 28% das vendas.

A Mercedes-Benz só não pode chamar de seu o caminhão mais vendido na categoria. Em outubro este título ficou com o Volvo FH540, com 439 unidades emplacas no mês ou 12,4% das vendas de pesados. Até o fim do ano, no entanto, essa disputa deverá ficar ainda mais acirrada entre o Scania R440, modelo que ainda detém a liderança dos emplacamentos do mercado total de caminhões no acumulado do ano, com 3.588 licenciamentos contra 3.326 anotados pelo representante da montadora de Curitiba.

Fonte: Estradão

Comentarios