Implementos podem gerar US$ 4 milhões em exportações

Rodada de Negócios promovida pela ANFIR-Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários, em conjunto com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), poderá gerar US$ 4 milhões em exportações.

O balanço foi feito pela entidade que representa a indústria produtora de implementos rodoviários. “O total estimado sinaliza o interesse crescente dos empresários estrangeiros pelo produto nacional”, afirma Alcides Braga, presidente da ANFIR.

O evento aconteceu durante a edição 2017 da Fenatran e reuniu 16 empresas associadas à ANFIR.

Os compradores vieram da Bolívia, Colômbia, Equador, México, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai. “Trazer os empresários latino-americanos para conhecer nossos produtos em meio ao maior evento de transporte de cargas da América Latina foi a estratégia mais acertada”, comemora o presidente da ANFIR.

O evento teve apoio da Reed Exhibitions Alcântara Machado, promotora da Fenatran. A Rodada de Negócios é a primeira ação realizada após a renovação do programa de incentivo às exportações feita entre Apex-Brasil e ANFIR no final de setembro, terá duração de dois anos.

Publicidade:

Consorcio DAF

“Toda a preparação para a Rodada de Negócios foi feita em duas semanas”, afirma Mario Rinaldi, diretor Executivo da ANFIR. “O resultado alcançado mostra que os contatos feitos no primeiro ano do programa foram muito sólidos e os clientes latino-americanos estão confiantes em negociar com a indústria brasileira”, completa Rinaldi.

O acordo para incremento das exportações foi renovado em setembro pelas duas entidades e terá dois anos de vigência. O programa prevê ações de suporte às vendas ao mercado externo e conta com a adesão de aproximadamente 40 empresas associadas à ANFIR.

Fonte: Future Transport

Comentarios