Mercedes-Benz do Brasil celebra 60 anos com evento em São Paulo

Chico da Boleia acompanhou de perto a celebração e conversou com Philipp Schiemer , Presidente da empresa.

A Mercedes-Benz do Brasil realizou dupla celebração com fornecedores na noite de 03 de maio, no Espaço Mercedes, na fábrica de São Bernardo do Campo, São Paulo. Aproveitando as comemorações de seus 60 anos no país, a Empresa também anunciou no evento os vencedores do 24º Prêmio Interação e do 6º Prêmio de Responsabilidade Ambiental.

“Estamos vivendo um ano marcante da nossa história. São 60 anos bem vividos. A Empresa é, hoje, a maior fabricante de veículos comerciais da América Latina. Em seis décadas, produzimos 1,45 milhão de caminhões e 670 mil ônibus, além de quase 3 milhões de motores”, diz Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil & CEO América Latina. “Em toda nossa trajetória no País, tanto nos momentos de expansão da economia, quanto nos de retração, pudemos contar com a valiosa contribuição dos fornecedores, parceiros de todas as horas, que sempre demonstraram alinhamento a nossas demandas, além de comprometimento, dedicação e excelente relacionamento”.

Em entrevista com Chico da Boleia, Philipp Schiemer, também destacou que a estratégia para os próximos meses é analisar e controlar os custos, tendo em vista a instabilidade do momento. “Nós fizemos isso no último ano e continuaremos apostando nisso”, comentou.

No entanto, Schiemer salientou que a fábrica continuará recebendo investimentos que possam alavancar novos projetos e resultar num aumento da produtividade.

“Temos projetos de novos produtos e também em eficiência dentro da fábrica e eles estão sendo mantidos com investimentos até 2018. Acreditamos que essa é a chave para o sucesso futuro”, destacou.

Quanto às vendas, o Presidente da Mercedes-Benz afirmou que a parceria com o Banco Mercedes engloba estratégias como juros diferenciados que podem facilitar a vida do caminhoneiro que quiser trocar de caminhão. “

Do passado para o presente: a história da Mercedes

O evento de comemoração dos 60 anos também criou ótimas oportunidades para novos negócios, especialmente por ocupar o Espaço Mercedes, local por excelência dedicado a receber clientes a fim de atender suas solicitações e necessidades. A partir do mote “Movendo o Futuro”, o evento mostrou uma Empresa cada dia mais sintonizada com as demandas atuais de seus clientes, como também aquelas para curto, médio e longo prazo.

“Tomando como referência o nosso passado de muita tradição e conquistas na geração de soluções para o transporte de pessoas e de cargas, com 60 anos de experiência e muito conhecimento na realidade do País, queremos mostrar que a nossa marca tem história, mas não deixa de olhar para frente”, diz Philipp Schiemer.

A fim de valorizar o passado glorioso da Empresa, o evento exibiu veículos históricos no espaço identificado como “Museu do Cliente”. Com a colaboração de diferentes empresas de transporte, foram expostos um caminhão L 7500 importado, ano 1952, da Covre, e um LP 331, ano 1961, da Supermix, veículos utilizados ativamente na construção e desenvolvimento de Brasília e do Brasil.

Ao lado deles, dois ônibus clássicos ganharam destaque: um O 355 da Viação Garcia, que trouxe novo padrão de conforto ao transporte de longa distância e um O 321 do acervo da Mercedes-Benz, o primeiro monobloco do País.

Num espaço exclusivo para modelos do portfólio atual da Mercedes-Benz, estavam expostos o novo caminhão extrapesado Actros, o gigante em tecnologia; o chassi de ônibus urbano O 500 U, referência no mercado em robustez e conforto para os usuários; o inovador Vito na versão de passageiros luxo; e o sedan Classe C 180 Exclusive, modelo que está em produção na nova fábrica da Empresa em Iracemápolis (SP), onde o SUV compacto GLA começará a ser produzido este ano.

Caminhão do Futuro tem a assinatura Mercedes-Benz

“O Caminhão do Futuro 2025 da Mercedes-Benz é um modelo da força tecnológica da Mercedes-Benz Trucks. 120 anos atrás, a marca inventou o caminhão. E agora, estamos inventando tudo de novo”, diz Stefan Buchner. “Nós da Mercedes-Benz estamos empenhados em tornar a condução autônoma pronta para a produção em massa até o final da década.”

Com o desenvolvimento dessa tecnologia, a eficiência dos transportes aumentará, o trânsito ficará mais seguro para todos os usuários da estrada e o consumo de combustível e as emissões de CO2 serão ainda mais reduzidos. Além disso, haverá uma mudança radical na função do motorista, que passará também a ser um gestor do transporte.

Para alcançar esse objetivo, a Mercedes-Benz conectou os sistemas de assistência já existentes com sensores aprimorados do inovador Highway Pilot. Assim, a condução autônoma já é possível em velocidades realistas e em situações de trânsito em rodovias expressas.

2.120.000 veículos comerciais produzidos no Brasil

Em seus 60 anos de intensas atividades, a Mercedes-Benz do Brasil acumulou números impressionantes. Já são 2.120.000 veículos comerciais produzidos no País: 1.450.000 caminhões e 670.000 ônibus. Além disso, são mais de 2.900.000 motores fabricados no Brasil.

A Empresa ocupa liderança histórica nas vendas de veículos comerciais. No segmento de ônibus, são 60 anos de liderança, posição que já se confirmou no primeiro trimestre deste ano. Aliás, nos primeiros três meses de 2016, a marca também liderou as vendas de caminhões no Brasil.

A liderança da marca também está refletida na frota circulante nacional: de cada 10 caminhões que circulam no Brasil, 4 são Mercedes-Benz. E de cada 10 ônibus, 6 levam a marca da estrela de três pontas.

Durante os 60 anos de atividades no País, a Mercedes-Benz do Brasil é também a maior exportadora de veículos comerciais do País, tendo atendido mais de 60 países de diversos continentes. Cerca de 432.000 caminhões e ônibus foram exportados nessas seis décadas.

O maior fabricante de veículos comerciais da América Latina

A Mercedes-Benz do Brasil é a maior fabricante de caminhões e ônibus da América Latina. Sua planta de São Bernardo do Campo é a maior do Grupo fora da Alemanha para veículos comerciais Mercedes-Benz. É também a única da Companhia a produzir caminhões, chassis de ônibus e agregados, como motores, câmbios e eixos, em um só local.

A fábrica de São Bernardo produz caminhões das linhas Atego e Axor, enquanto a planta de Juiz de Fora (MG) responde pelo Accelo e Actros. A unidade de Campinas, no interior paulista, conta com a linha de produção de peças remanufaturadas RENOV. Além disso, abriga a Central de Armazenamento e Distribuição de Peças e as demais atividades da área de Peças & Serviços ao Cliente, o que inclui toda a estrutura de assistência técnica, Central de Relacionamento com o Cliente e área de Treinamento para clientes e concessionários, entre outros.

Recentemente, a Empresa passou a contar com mais uma unidade produtiva no Brasil, inaugurando a fábrica de automóveis de Iracemápolis (SP). Dessa forma, a Mercedes-Benz passou a ser a única Empresa a produzir caminhões, ônibus, vans e automóveis na América Latina, estando presente em todos os momentos da vida do brasileiro com veículos produzidos aqui mesmo no Brasil, com a qualidade superior que é um atributo da marca.

“Com muito orgulho e satisfação, sempre empregamos muitas pessoas”, destaca Philipp Schiemer. “Ao longo de 60 anos, mais de 100.000 colaboradores trabalharam ou ainda trabalham com a gente. Nosso time tem competência, conhecimento e experiência. Tem paixão pelo que faz, determinação e comprometimento, com foco na excelência e na satisfação do cliente. E sempre demonstrou coragem frente aos desafios em todos os momentos de nossa história no País. Nós vestimos a camisa e buscamos a excelência da Empresa e do Brasil no cenário da indústria automotiva”.

Longa tradição no desenvolvimento de tecnologias e soluções

Em sua fábrica de São Bernardo do Campo, a Mercedes-Benz do Brasil conta com o maior Centro de Desenvolvimento Tecnológico de veículos comerciais do País e um dos maiores da América Latina. Com 24 anos de atividades, é também o maior da Daimler, fora da Alemanha, com foco em veículos comerciais Mercedes-Benz. Como decorrência desse trabalho, a unidade é o Centro Mundial de Competência do Grupo Daimler para desenvolvimento de chassis de ônibus. Além disso, é um importante polo da rede mundial de desenvolvimento de caminhões da Daimler Trucks.

Graças à intensa atuação do CDT, como também da antecessora área de Engenharia de Produtos, a Mercedes-Benz do Brasil é a Empresa que mais lançou caminhões, ônibus e tecnologias para veículos comerciais no Brasil. Além disso, é reconhecida pelo pioneirismo em combustíveis alternativos – ela foi a primeira a desenvolver e testar Biodiesel e Diesel de Cana no Brasil, utilizados hoje regularmente no País.

“Somos uma Empresa da Daimler, a maior fabricante mundial de veículos comerciais e a que mais introduz tecnologias no mercado global”, destaca Philipp Schiemer. “Naturalmente, todas as inovações lançadas mundialmente são trazidas para o Brasil em momentos propícios e de forma adequada. Isso permite que o CDT acompanhe a evolução mundial dos veículos da marca e disponibilize sempre novas soluções eficientes e rentáveis para os nossos clientes”.

Redação Chico da Boleia com informações de Mercedes-Benz do Brasil

Confira a galeria de fotos do evento:

60 anos de Mercedes-Benz no Brasil

Comentarios