Tarifas de pedágio entre Curitiba (PR) e Florianópolis (SC) são reajustadas

ANTT aprovou o aumento dos valores

A partir desta sexta-feira (24), as tarifas nas praças de pedágio da BR-116/376, no Paraná, e BR-101, em Santa Catarina, entre Curitiba e Florianópolis, ficam mais caras. A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) autorizou o reajuste dos valores nesta quinta-feira (23).

A tarifa básica passa de R$ 2,30 para R$ 2,60, nas praças de pedágio de São José dos Pinhais (PR), Garuva (SC), Araquari (SC), Porto Belo (SC) e Palhoça (SC).
Segundo a agência, a revisão tem como objetivo manter o equilíbrio econômico-financeiro do contrato firmado entre a ANTT e a concessionária. Além disso, segue determinações do TCU (Tribunal de Contas da União) de aplicar a recomposição tarifária de acordo com a variação do IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo, que mede a inflação) do período.
A alteração foi calculada a partir da combinação de três itens previstos em contrato: reajuste, revisão e arredondamento.
Com 405,94 quilômetros de extensão, as BRs 116/376/PR e 101/SC – Trecho Curitiba/ Florianópolis foram concedidas para a Autopista Litoral Sul com o objetivo de exploração da infraestrutura em 18 de fevereiro de 2008, pelo período de 25 anos.

Agência CNT de Notícias 

Comentarios