Tag: carretas

Conheça um pouco da história de caminhoneiras da vida real

Conheça um pouco da história de caminhoneiras da vida real

Notícias
Elas dirigem carros de passeio, motocicletas, bitrens e carretas. Os tempos são outros e a mulherada mostra a que veio ao assumir cargos que somente homens ocupavam. Conheça um pouco da história de caminhoneiras que movimentam as estradas do Brasil. Antes de enfrentar os pesados na estrada, Cathia Medeiros trabalhou como feirante, costureira, aeromoça e motorista de ambulância. A paixão por caminhões surgiu com o pai caminhoneiro, mas este esperava que a filha se tornasse dentista e seguisse uma profissão mais “tranquila”. Aos 18 anos, Cathia tirou sua habilitação e aos 19 conseguiu um trabalho no Terminal de Cargas Fernão Dias. Até então, a jovem dirigia apenas uma Fiorino e somente aos 21 anos começou a dirigir caminhões e não parou mais. “Eu tenho muito amor pela profissão, se não t
Fábrica da Noma vai gerar 250 empregos em Tatuí-SP

Fábrica da Noma vai gerar 250 empregos em Tatuí-SP

Notícias
A Noma, fabricante de carretas para caminhões, está investindo na construção de uma fábrica em Tatuí e vai contratar até o fim deste semestre pelo menos 250 funcionários. A empresa está aplicando R$ 75 milhões na nova unidade e, além das vagas geradas de imediato, tem a expectativa de oferecer até 1 mil empregos quando atingir o ápice da produtividade. Serão vagas para diversas ocupações diferentes na primeira etapa da contratação (ver abaixo) e os interessados devem enviar um currículo para o e-mail curriculo.tatui@noma.com.br ou levá-lo até o endereço da rua Humaitá, 850, no Centro de Tatuí. A fábrica da Noma terá área superior a 23 mil metros quadrados e as obras tiveram início em fevereiro do ano passado, envolvendo cerca de 300 profissionais na construção. A expectativa é de que a
MPF processa empresas com caminhões com excesso de peso

MPF processa empresas com caminhões com excesso de peso

Notícias
Caminhões estragam a pista e aumentam o risco de acidentes para todo mundo nas estradas brasileiras. O Ministério Público Federal está processando empresas que puseram caminhões com excesso de peso nas estradas brasileiras. Eles estragam a pista e aumentam o risco de acidentes para todo mundo. O asfalto racha, fica ondulado e faz o baú do caminhão balançar. Os buracos aparecem e aumentam a cada dia, até ficarem quase intransitáveis, como o trecho da BR-158, em Goiás, mostrado no vídeo.  E os acidentes acontecem de repente, quando a suspensão dos caminhões não suporta o peso. Cargas inteiras vão parar no meio do asfalto e causam o bloqueio total das estradas por longos períodos. A Polícia Rodoviária Federal diz que a principal causa deste tipo de acidente é o excesso de peso. “Muitos mo
Empreendimentos Rodeiro destaca baixo custo de operação e conforto do XF105

Empreendimentos Rodeiro destaca baixo custo de operação e conforto do XF105

Notícias
Transportadora mineira, há um ano com os extrapesados da DAF, tem 26 caminhões da marca, em versões 6x2 e 6x4 Após o primeiro ano rodando com os caminhões DAF, a Empreendimentos Rodeiro, sediada em Sete Lagoas (MG) e dona de uma frota de mais de 270 caminhões, faz uma avaliação positiva dos XF105 em operação. A transportadora possui 26 unidades do extrapesado, o que representa aproximadamente 10% da sua frota. Os XF105 utilizados pela Rodeiro fazem a rota Minas Gerais–São Paulo e Minas Gerais–Rio de Janeiro, acumulando mais de 300 mil quilômetros rodados. As unidades, em versões 6x2 e 6x4, são utilizadas com carroceria de grade baixa e caçamba (basculante), no transporte de carga seca. Para Liolgar Lino da Costa, diretor de frota da Empreendimentos Rodeiro, a performance dos veículos
Entendendo a “bolha rodoviária”

Entendendo a “bolha rodoviária”

Notícias
Geraldo Vianna (*) Numa palestra que fiz há poucos dias no 15º Seminário da NTC, na Câmara dos Deputados, em Brasília, usei pela primeira vez a expressão “bolha rodoviária” e revelei números impactantes. Mas eles eram muitos, o que talvez tenha tirado o foco do essencial. Vou tentar abstrair informações supérfluas, indo direto ao ponto: o T.R.C. vive uma extraordinária sobreoferta de transporte, a que chamei daquela maneira numa óbvia referência à “bolha imobiliária” norte-americana que estourou em 2008. Embora haja muitas diferenças entre os dois episódios, a verdade é que aqui, como lá, tudo começou com crédito abundante e barato. E também pode resultar numa enorme inadimplência. Note-se que estou falando de valores multibilionários, como veremos a seguir. De fato, foi fortíssimo o c
Homem apontado como maior ladrão de cargas de SP é preso em Sorocaba

Homem apontado como maior ladrão de cargas de SP é preso em Sorocaba

Notícias
Albiazer de Lima é suspeito de chefiar roubo ao depósito do Magazine Luiza. Polícia apreendeu fuzil, munição, carros e celulares em casa onde ele estava. Policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) prenderam na madrugada desta terça-feira (5), em Sorocaba (SP), um homem apontado pela polícia como o maior ladrão de cargas do Estado de São Paulo. Albiazer Maciel de Lima, o Bia, de 38 anos, é suspeito de chefiar o mega-assalto ao depósito do Magazine Luiza, em Louveira (SP), entre a noite de sexta-feira (1º) e a madrugada de sábado (2). Criminosos armados usaram dois caminhões e duas carretas para roubar eletro-eletrônicos, como tablets e celulares. Os policiais chegaram até Albiazer após meses de investigação. Ele foi preso em uma casa no Trujillo, bairro de cl
CONGRESSO APROVA MP QUE PERMITE REFINANCIAMENTO DOS CAMINHONEIROS

CONGRESSO APROVA MP QUE PERMITE REFINANCIAMENTO DOS CAMINHONEIROS

Notícias
Aguardada pelo setor de transportes do Brasil, a Medida Provisória (MP) 661/2014, que determina o repasse de R$ 30 bilhões do Tesouro Nacional para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foi aprovada no plenário do Senado Federal na tarde desta quarta-feira (29/04).  O texto segue agora para sanção presidencial. Além da liberação do recurso, “o projeto de lei dispõe que o superávit financeiro das fontes de recursos existentes no Tesouro Nacional poderá ser destinado à cobertura de despesas primárias obrigatórias”, garantindo assim que os caminhoneiros que contraíram financiamento para compra de veículos possam refinanciar parcialmente suas dívidas. A medida promete dar fôlego financeiro aos motoristas, que alegam que os valores médios pagos atualmente pelo fret
Governo não cumpre acordo e caminhoneiros fecharão rodovias

Governo não cumpre acordo e caminhoneiros fecharão rodovias

Notícias
Na tarde desta quarta-feira (22) era para o governo federal regulamentar a Tabela do Frete Mínimo, fato que não aconteceu.  Com isso a partir da zero hora desta quinta-feira (23) as rodovias federais em Mato Grosso voltam a ser fechadas pelos caminhoneiros.  De acordo com o vereador Gilson Baitaca, representante dos caminhoneiros de Mato Grosso, o governo federal propôs fazer de forma referencial a Tabela de Frete Mínimo. “O governo informou que não assumirá esse compromisso e nos propôs uma tabela de forma referencial sem obrigatoriedade e isso a categoria não aceita. Portanto, a partir da meia-noite as rodovias voltas a ser fechadas”, disse o vereador.  Baitaca destacou que a mobilização continua com as mesmas reivindicações entre elas a tabela de frete e redução do preço do óleo die
ANTT regulamentará medidas para viabilizar isenção de pedágio sobre eixo suspenso

ANTT regulamentará medidas para viabilizar isenção de pedágio sobre eixo suspenso

Notícias
Agência Nacional de Transportes Terrestreas (ANTT) publicará em até 180 dias a regulamentação de medidas técnicas e operacionais a serem aplicadas em rodovias federais para viabilizar a isenção da cobrança de pedágio sobre os eixos suspensos de caminhões vazios. A regulamentação vai considerar a viabilidade econômica e o interesse público, segundo decreto da Presidência publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira que regulamenta artigos a lei 13.103, conhecida como Lei dos Caminhoneiros. Segundo o decreto, órgãos do governo federal, dos Estados, do Distrito Federal e dos municípios irão dispor sobre as medidas. As concessionárias de rodovias vêm afirmando que, com as quedas nas receitas e aumentos de custos causados pela nova lei, têm direito a reequilíbrio dos contratos, co
Prazo máximo para carga e descarga

Prazo máximo para carga e descarga

Notícias
A Lei n° 13.103/15, que entra em vigor no dia 17/4/15, modifica a Lei n° 11.442/07, definindo o tempo máximo para carga e descarga, a forma e o valor a ser cobrado pelo excesso de tempo e a responsabilidade do embarcador e do destinatário. Por ser muito claro e objetivo o texto legal, transcrevemos a nova redação dos § 5º ao 9º do artigo 11 da Lei nº 11.442/07: § 5º - O prazo máximo para carga e descarga do Veículo de Transporte Rodoviário de Cargas será de 5 (cinco) horas, contadas da chegada do veículo ao endereço de   destino, após o qual será devido ao Transportador Autônomo de Carga -TAC ou à Empresa de Transporte Rodoviário de  Carga ETC a importância equivalente a R$ 1,38 (um real e trinta e oito centavos) por tonelada/hora ou fração.       § 6º - A importância de que trata