Regulador de pressão da suspensão da carreta vanderléia

regulador-pressao

Depois das recentes mudanças na lei que normatiza as configurações de implementos no Brasil, a carreta com eixos espaçados, a famosa Vanderléia, se tornou bastante atrativa para o transportador.

Antes, ela era usada apenas em operações específicas, já que o seu custo de aquisição e operacional eram mais altos e carregava a mesma quantidade de carga  das carretas convencionais.

Atualmente, espaçando os eixos, ganha uma capacidade de carga significativa em comparação com as carretas três eixos normal.

Cuidados com esse tipo de implemento são necessários, como em manobras, na manutenção dos pneus, eixos e cubos. Mas, o que muitos não sabem, é que em um dos eixos giratórios com suspensão pneumática (obrigatório por lei), existe um regulador de pressão, que se for usado incorretamente, pode causar problemas de desgaste, na distribuição de peso e assim, gerando problemas na balança.

Certa vez no nordeste, um caminhoneiro operando um baú vanderleia explicou a importância da regulagem para a distribuição do peso sobre os eixos, e principalmente quando vazio, não se esquecer de esvaziar o ar do sistema através do manômetro, evitando assim que um possível problema de queima de fusível por exemplo, evite de o bolsão do socador encher e levantar o implemento, deixando as rodas da tração do cavalo no ar e perdendo a direção do caminhão.

Portanto, quem trabalha com esse tipo de carreta, deve se atentar no manuseio do equipamento, que geralmente fica localizado em uma caixa próximo ao eixo giratório, fixado ao lado do chassi. Na foto, se trata do dispositivo instalado em um silo rodoviário Randon.

fonte: Wagner Caminhões

Comentarios