Programa Pela Vida, do Instituto Julio Simões, completa cinco anos e faz balanço de ações realizadas

Durante o período, cerca de 48 mil motoristas foram beneficiados e mais de 84 mil atendimentos realizados

Conscientizar sobre a importância de cuidados básicos de saúde e oferecer atendimento gratuito a motoristas profissionais. Esse é o principal objetivo do Programa Pela Vida, que já beneficiou cerca de 48 mil motoristas e é iniciativa do Instituto Julio Simões, braço social da JSL, maior empresa de logística rodoviária do país.

Criado em 2011, o Programa Pela Vida visa minimizar os riscos à segurança desses profissionais, expostos, muitas vezes, a longas jornadas ao volante, maus hábitos alimentares, sono irregular e isolamento social. O projeto conseguiu formar, por meio dos mais de 84 mil atendimentos já realizados, um banco de dados único, com indicadores de saúde dos caminhoneiros, permitindo o contínuo acompanhamento dos profissionais em qualquer trailer do programa. Os números computados também auxiliam a medir e melhorar os atendimentos.

Com dez trailers localizados em pontos estratégicos de rodovias brasileiras, o Pela Vida ofereceu atendimento gratuito de aferição de pressão arterial, acuidade visual, medição de IMC, circunferência abdominal, teste de glicemia e vacinação em algumas regiões. Durante os atendimentos, a importância de cuidados básicos de saúde e alimentação para a melhoria e qualidade de vida do profissional é reforçada, tanto com orientações quanto com a entrega de materiais gráficos, como cartilha orçamentária, carteira de saúde, mapa de risco de acidentes, kit bucal, lixeirinhas para câmbio e outros brindes.

O atendimento também inclui orientações de segurança nas estradas por meio de vídeos que abordam temas variados, como amarração de carga, fadiga, desrespeito e imprudência no trânsito, uso do cinto de segurança, manutenção preventiva, uso de drogas e inspeção veicular.

Em seus cinco anos de existência, o Pela Vida realizou diversas ações em todo o Brasil. As mais populares são as entregas de brindes e orientações de saúde e segurança no Dia do Caminhoneiro, Dia do Motorista e na Semana Nacional de Trânsito. As ações também incluem o envio de SMS para lembrar os motoristas de voltar ao trailer mais próximo ou ir ao médico para atualizar exames.

 O programa também realizou pesquisas sobre o setor, como a do perfil predominante do caminhoneiro que cruza as estradas do país, que analisou informações de mais de 14 mil motoristas, mostrando que a maioria trabalha em média até 10 horas por dia, está na faixa dos 36 anos, e alguns, infelizmente, ainda usam drogas e estimulantes quando pegam a estrada.

Após cinco anos de sucesso, o Pela Vida passará por uma reformulação, visando melhor adaptar às necessidades em segurança no transporte rodoviário. As informações sobre o novo formato do programa serão divulgadas no decorrer de 2017.

 

Comentarios