Pontes e viadutos das rodovias federais estão em boas condições

Os motoristas que rodam pelas estradas federais vão encontrar 95% das pontes, viadutos, túneis e passarelas em bom estado. Dados apresentados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) mostram que, desse total, 15,27% são ótimas; 39,12% boas; e 41,02% regulares

Os indicadores são baseados nos dados coletados em vistorias realizadas nos últimos três anos, que alimentam o Sistema de Gerenciamento de Obras de Artes Especiais (SGO), desenvolvido pelo próprio DNIT. Entre as obras inspecionadas e com avaliação positiva está a ponte Anita Garibaldi, inaugurada em julho deste ano, na região de Laguna, no sul de Santa Catarina.

     “As inspeções são de rotina e estão acontecendo num ritmo bastante favorável. Não nos surpreendemos com os bons indicadores e acreditamos que em pouco tempo  concluiremos as avaliações”, declarou o diretor-geral do DNIT, Valter Casimiro Silveira. Ao todo, o DNIT é responsável pela gestão de 5.114 viadutos e túneis, as chamadas obras de artes especiais (OAEs). As inspeções são rotineiras. Deste total, 4020 (78,6%) receberam as visitas de técnicos: 614 mereceram nota 5; 1.573 foram avaliadas com 4; 1.649, com 3. Ficaram abaixo das expectativas 172 com nota 2, e 12 com nota 1.

     “O sistema de monitoramento das OAEs foi elaborado pela Diretoria de Planejamento e Pesquisa do DNIT (DPP) e consiste no levantamento de dados e na digitalização de imagens e informações”, explica Adailton Cardoso Dias, diretor de Planejamento e Pesquisa do DNIT. Os aspectos mais importantes dizem respeito às especificações geométricas, além de eventuais problemas estruturais como armadura exposta, concreto desagregado, fissuras e juntas de dilatação, entre outros.

     O sistema é composto de três subferramentas: SGO Mobile, SGO Inspetor e SGO Web. A primeira reúne as anotações das vistorias de campo. A segunda permite que o inspetor insira dados da vistoria (como fotos, croquis, vídeos) no sistema, por meio de um aplicativo disponível em tablets. A terceira é o SGO Web disponibiliza os dados na internet.

     Do total de 5114 pontes, viadutos, túneis e passarelas sob responsabilidade do DNIT, mais da metade (4020) já foi inspecionada; desse montante, 2298 já passaram por inspeções; 2119 tiveram a avaliação concluída e foram cadastradas no SGO. Estão em análise duas mil.

     O SGO é mais um importante instrumento de gestão utilizado pelo DNIT para facilitar e ter maior precisão nos trabalhos de conservação, manutenção e melhoria das rodovias federais.

ASCOM/DNIT

Comentarios