Não dar seta e dormir ao volante estão entre as principais causas de acidentes na Fernão Dias

O sono e a falta de sinalização adequada do motorista ao mudar de faixa estão entre as principais causas de acidentes registrados na rodovia Fernão Dias, no Sul de Minas Gerais. Por isso, a Autopista Fernão Dias realiza, nesta quinta-feira (14), a campanha “Acorda Motorista”. “Atitudes imprudentes podem colocar em risco a vida do próprio usuário e de outros condutores, pedestres e ciclistas, e que por isso exigem cada vez mais ações preventivas diferenciadas por parte das concessionárias, do poder concedente, dos órgãos de controle e fiscalização”, destaca Helvécio Tamm de Lima Filho, diretor superintendente da concessionária.

Os caminhoneiros serão abordados, entre 18h e meia noite, para receber orientações como o tempo correto de descanso e a importância de evitar o uso de medicamentos e substâncias para combater a sonolência, enquanto uma equipe faz a inspeção veicular nos caminhões, com troca de lâmpadas queimadas de faróis e lanternas.

De acordo com os dados do Centro de Controle de Operações, no ano passado, 315 acidentes ocorreram porque o motorista dormiu ao volante. Além disso, as colisões traseiras representaram 19,5% do total de ocorrências de 2016. Um estudo feito pela Arteris com quase 5 mil caminhoneiros, entre agosto de 2015 e agosto de 2016, revelou que 10% dos motoristas que rodam pelas rodovias administradas pelo Grupo dirigem com sono, aumentando o risco de acidentes no trânsito, e 8% admitem o uso de anfetaminas.

Outro comportamento inadequado comprovado por pesquisa é referente à comunicação no trânsito. Uma pesquisa feita com 82 mil veículos flagrou 57,5% dos condutores indo para outra faixa sem sinalizar. A manobra inesperada sem a utilização da seta impede que os demais motoristas possam tomar medidas preventivas para evitar, por exemplo, colisões laterais e traseiras. Além de prejudicar a decisão de outros condutores, não dar seta é uma infração grave, com penalidade de 5 pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 195,23.

Fonte: Autopista Fernão Dias

Comentarios