Homenagem Dia do Caminhoneiro, 30 de Junho

São mais de 100 anos de transportes por caminhões e a data do “Caminhoneiro” é comemorada desde 1986 no Brasil. Esses homens e mulheres, feras do volante, vivem uma dura e triste realidade, transportando mais de 60% de tudo o que é produzido em nosso país.  São milhões de caminhões e milhões de caminhoneiros que todos os dias andam por milhares de quilômetros de asfalto.

Mesmo com uma importante e delicada profissão, trabalhar como caminhoneiro não gera o merecido reconhecimento, não dá retorno financeiro equivalente aos tantos dias foras de casa, não dá direitos. Sobram explorações, abusos contra a profissão, que roubam a esperança e a vontade de devorar o asfalto.

A cada dia surge uma nova cobrança, um novo documento, um nova exigência, sobram caminhões potentes, caros e imponentes. Faltam investimentos em serviços necessários, falta segurança, falta apoio. Faltam cursos, treinamentos e outros investimentos à peça mais importante do transporte, que é o caminhoneiro.

Eu não desejo ao caminhoneiro um dia feliz. O caminhoneiro merece uma vida feliz, merece poder trabalhar com segurança e conforto, merece poder descansar melhor, merece poder dar um abraço na família com mais frequência, merece se aposentar com dignidade. Dignidade de um trabalho que movimenta uma economia gigantesca.

Poema em homenagem aos Caminhoneiros

A vida de um caminhoneiro é uma jornada sem limite.
Um dia esta em casa tranquilo,no outro corta a estrada à 120
Quando amanhece o dia ele liga o caminhão
Se despede da família,vai pisar em outro chão
Ao virar a grande curva olha no retrovisor
Seu filhinho se despede lhe acenando com grande dor.
Papai que Deus lhe proteja por caminhos onde for
Pois espero seu regresso com o coração cheio de amor.
Queria que meus olhos fossem os faróis de seu caminhão.
Pois assim te guiaria ,para não se perder no estradão.

Vai caminhoneiro,vai caminhoneiro
Vai levando a saudade por este chão brasileiro
Vai caminhoneiro,vai caminhoneiro…
De dia come poeira e chão e a noite sua companheira é a solidão.

Quando estiver voltando ,não se distraia por nada
porque sua família vai ficar abandonada.
Para você vencer na vida,escolheu esta profissão.
Enfrentando temporais,para deixar mais rico o seu patrão
E se um dia não voltar para o aconchego do seu lar
Sua família vai sofrer por não ter com quem contar
E seu patrão indiferente,um dia não vai lembrar .
Que um solitário caminhoneiro,fez sua fortuna aumentar.

Vai caminhoneiro,vai caminhoneiro
Vai levando a saudade por este chão brasileiro.
Vai caminhoneiro, vai caminhoneiro.
De dia come poeira e chão ,e a noite sua companheira é a solidão.

Prestamos a todos vocês nossa mais sincera homenagem por atuarem nesta linda profissão. Temos muito orgulho de ser caminhoneiro.

Dia 30 de Junho – Dia do Caminhoneiro

Poema de autoria: Alvalea Paiva Palmeira

Comentarios