Você sabe o que significa PBT, PBTC e CMT?

No mundo dos motores, abreviações sempre chamam atenção. Fique atento ao significado dessas combinações

Para não degradar em excesso as rodovias, ruas e avenidas do Brasil, foram desenvolvidos limites de cargas de caminhões, que são os maiores responsável pelo rápido desgaste das rodovias no país. Além do objetivo de conservação do asfalto, o limite de peso serve como uma maneira de garantir a segurança do caminhoneiro e dos demais motoristas.

Termos tais como PBTPBTC, e CMT são comuns no cotidiano do motorista de caminhão, devido a estas limitações de peso. Mas o que significam essas siglas e como são utilizadas na legislação vigente?

PBT, PBTC, e CMT de Caminhões

Antes da terminologia, é necessário saber quem é o órgão responsável por estabelecer os termos e as ponderações que caminhões que transportam. Tais configurações são feitas pelo CONTRAN, o Conselho Nacional de Trânsito. No entanto, ele não é o único órgão que especifica tais termos e limitações, já que o produtor do veículo também precisa determinar as limitações e capacidades do veículo.

Em alguns casos específicos, pode haver disputa entre o valor estabelecido pelo CONTRAN e o valor estabelecido pelo produtor. Nessas situações, o ideal é carregar menos carga se tiver que decidir entre os 2, para minimizar o risco de ser multado.

Multa por excesso de peso do caminhão?

A resposta breve é a Polícia Rodoviária Federal (PRF) que pode multar caminhões por excesso de peso, ao passar nas balanças localizadas nas estradas. A resposta longa é um pouco mais complicada.

A ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestres) e a Polícia Rodoviária Federal pode multar nas rodovias federais que tenham pedágio. Em rodovias federais sem pedágio, os responsáveis pelas multas nesses casos são a PRF e o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes).

Em Rodovias Estaduais, a fiscalização é responsabilidade do Departamento Estadual de Rodovias (DER) dos Estados, sendo que os responsáveis pelas multas são as respectivas Polícias Rodoviárias do Estado. Já as Secretarias de Transporte de cada cidade são as responsáveis por fiscalizar os caminhões nas áreas urbanas.

Com excepção dos casos em que a avaliação visual mostra cargas multa acima do limite num caminhão, somente quando o caminhão é pesado e está provado que o excesso de peso de fato ocorreu é que o motorista pode receber a multa.

O que é PBT?

PBT é o Peso Bruto Total. É a combinação do peso do veículo, da carroceria do caminhão e da carga. Simplesmente  é o peso máximo que um caminhão pode ter ao dirigir em uma estrada, somando-se o peso de Tara (peso do veículo em ordem de marcha: equipamento completo, do combustível, e assim por diante) e a Lotação (também chamado de peso líquido, que consiste apenas na carga do caminhão).

O que é PBTC?

O Peso Bruto Total Combinado (PBTC) é a combinação do PBT com os cavalos mecânicos do reboque. Falando de outra forma, é o peso do caminhão + o peso da carreta + o peso da carga, formando o peso máximo que o veículo teria na estrada.

O que é CMT?

O CMT (Capacidade máxima de Tração) é a carga máxima sugerida pelo fabricante do caminhão. Mostra a capacidade máxima de tração e o peso máximo que um veículo pode puxar. Este valor é sugerido pelo fabricante do veículo, calculado em conformidade com as restrições de geração e reprodução da força, a resistência e a manipulação de caminhão. É uma medida de segurança, para se certificar de que o veículo não está carregando mais peso do que é capaz.

Tara

A Tara é o peso do veículo sem estar carregado. É somado o peso da carroceria, chassis, motor e componentes mecânicos do veículo.

Essas informações constam no Código de Trânsito Brasileiro e se houver excessos de carga comprovados pela fiscalização, o motorista será autuado conforme legislação vigente.

O CTB exige que os caminhões deixem essas informações claras na carroceria, sendo pintadas ou afixadas no chassis do caminhão.

Diferenças entre PBT, PBTC e CMT do canal MAN Latin America

Fonte: Carros Brasileiros / Canal da Peça

Comentarios