Venda de etanol cresce após queda dos preços

Indicativo do consumo nos postos de combustíveis, as vendas de etanol feitas pelas usinas cresceram significativamente no mês de julho, segundo informou a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica). Foram comercializados pela indústria no mês passado 1,21 bilhão de litros de etanol hidratado, que é usado diretamente no motor de veículos. O volume representou crescimento de 31,34% em relação a julho de 2012 e de 18,56% na comparação ao mês anterior, junho deste ano.
O movimento é uma reação aos preços mais baixos do etanol ao consumidor final. Desde meados de maio, abastecer com o biocombustível vinha sendo mais vantajoso do que com gasolina no Estado de São Paulo e em outras capitais. Mas os preços do biocombustível na bomba, ainda estavam na casa dos 69%, muito próximos de 70% que torna indiferente ao consumidor final usar etanol ou gasolina. Desde junho, no entanto, essa paridade vinha se sustentando em 65% e, agora em julho, o consumo reagiu com mais força.
Segundo o diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues, como os preços doetanol estavam economicamente vantajosos nos principais mercados do país “era natural esperarmos um avanço no consumo de hidratado”. “A expectativa é que essa tendência seja mantida nas próximas semanas”, diz Padua.
Fabiana Batista
Fonte: Valor Econômico

Comentarios