Tag: mopp

Eu, Caminhoneiro – Cuidados nas viagens noturnas

Eu, Caminhoneiro – Cuidados nas viagens noturnas

Notícias, Sem categoria
Quando fui fazer o meu curso MOPP para transporte de cargas perigosas, o instrutor que era policial militar deu uma recomendação para os alunos: sempre fechar as janelas durante a noite afim de evitar entrada de bichos noturnos, já que eles podem causar perda de controle e acidentes. Eu nunca fui daqueles que só se cuida ou muda o modo de vida depois de um grande susto e jamais me envolvi em acidentes e nem mesmo escorreguei dirigindo na chuva. Porém, eu tenho muito medo de me machucar e também envolver terceiros em acidentes, e, em pista molhada, mudo o comportamento em direção. Portanto, com o aviso do instrutor, passei a sempre trafegar durante a noite com os vidros fechados, até mesmo quando possível durante o dia nos veículos sem ar condicionado. E foi por conta dessa atitude que
Combustível na carreta, cuidado redobrado

Combustível na carreta, cuidado redobrado

Notícias
Quem já trabalhou em canteiro de obras sabe bem: o maquinário da construção civil consome muito combustível. Uma escavadeira hidráulica pode consumir uma média de 15 litros de diesel por hora de trabalho. Por causa disso, muitas empresas contam com a ajuda do caminhão-comboio, que leva o combustível até o local das obras, agilizando o serviço das empresas e garantindo o controle de qualidade do que é consumido pelo equipamento. Além disso, este tipo de caminhão permite também a lubrificação dos componentes e a coleta do óleo, para que seja feito o descarte correto. No entanto, algumas empresas optam pelo transporte simples: um caminhão que transporta os barris de combustível até o lugar das operações. Se optar pela não utilização do caminhão-comboio, a empresa ou o carreteiro deve segui
Caminhoneiros se queixam de prejuízos após “pente-fino” da Polícia Rodoviária Federal

Caminhoneiros se queixam de prejuízos após “pente-fino” da Polícia Rodoviária Federal

Notícias
Segundo relatos, os agentes aumentaram a rigidez na fiscalização como represália a greves Caminhoneiros de diversos Estados estão relatando o que consideram abusos em operações da PRF (Polícia Rodoviária Federal). De acordo com os depoimentos, os agentes têm ampliado as exigências no momento em que param os veículos para fiscalização nas estradas. Diante do não cumprimento de exigências até então ignoradas pela polícia, muitos motoristas acabam sendo multados, tendo os documentos apreendidos ou os próprios veículos guinchados. Em um vídeo que circula pelo WhatsApp, um caminhoneiro critica a situação no Ceará, descrevendo o problema enfrentado por um colega de profissão: ele estava impedido de rodar por irregularidades que não existiriam. “A intolerância está reinando abso