Tag: empresa

Investimentos em inovação e tecnologia elevam produtividade dos implementos Librelato

Investimentos em inovação e tecnologia elevam produtividade dos implementos Librelato

Notícias
Investimentos em inovação e tecnologia elevam produtividade dos implementos Librelato A empresa trabalha com a proposta de elevar continuamente a eficiência do transporte de cargas Leveza, robustez e alta produtividade em campo. A combinação desses fatores tem sido uma busca constante no desenvolvimento de implementos da Librelato nos últimos anos. A empresa trabalha com a proposta de elevar continuamente a eficiência do transporte de cargas combinando em seus implementos rodoviários tecnologias leves e ao mesmo tempo robustas, para entregar alta produtividade aos clientes. Dois bons exemplos que trazem um grande leque de inovações tecnológicas e oferecem maior rentabilidade às operações logísticas, são os implementos Rodotrem Basculante Premium 2.0 e o Semirreboque Graneleiro PRÓ-NIO
Sula Miranda e TTGlog trazem novidade para o mercado de trabalho

Sula Miranda e TTGlog trazem novidade para o mercado de trabalho

Notícias
Sula Miranda e TTGlog trazem novidade para o mercado de trabalho A Sula Miranda tem uma novidade para os caminhoneiros e caminhoneiras: a TTGlog, uma das maiores transportadoras de gás (GLP) do Brasil, está com vagas abertas para os profissionais do setor de TRC. Sediada em Limeira (SP), a empresa está ofertando 50 vagas em diferentes locais do país. Para se candidatar basta seguir as instruções dadas no vídeo. Confira:
Empresas de transporte de cargas de São Paulo percebem falta de motoristas

Empresas de transporte de cargas de São Paulo percebem falta de motoristas

Notícias
Empresas de transporte de cargas de São Paulo percebem falta de motoristas Problemas na contratação afetam 81% das companhias, segundo pesquisa De acordo com estudo conduzido pelo Instituto Paulista do Transporte de Carga (IPTC), 81% das empresas de transporte rodoviário de cargas de São Paulo e região percebe uma crítica falta de motoristas no mercado de trabalho. Dessas 34% tiveram grande turnover, ou seja, uma grande rotatividade de profissionais. O órgão vinculado ao Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região (SETCESP), evidenciou que a falta de motoristas acarreta outra grande questão: veículos parados nas bases das empresas. Segundo a pesquisa, 38% das empresas consultadas apontaram que os veículos ficam estacionados por não haver profissionais capacita
Repom é reconhecida pelo GPTW como uma das melhores empresas para trabalhar

Repom é reconhecida pelo GPTW como uma das melhores empresas para trabalhar

Notícias
Repom é reconhecida pelo GPTW como uma das melhores empresas para trabalhar Marca é a 5ª colocada no ranking que valoriza boas práticas para as pessoas no trabalho A Repom, marca da Edenred Brasil, que atua com foco em soluções de gestão e meios de pagamento de despesas do transporte rodoviário de cargas, foi eleita como uma das Melhores Empresas para Trabalhar em Barueri e Região pela consultoria global Great Place to Work® Institute (GPTW). A marca foi a 5ª colocada no ranking de Médias Empresas, subindo uma posição em relação ao ano anterior, em reconhecimento às suas práticas para pessoas e valorização do ambiente de trabalho. “Esse prêmio reforça o nosso investimento em nossos profissionais, proporcionando um clima de trabalho inovador, tendo em vista as transformações constante
Chico da Boleia entrevista consultor técnico comercial da Dunlop Pneus

Chico da Boleia entrevista consultor técnico comercial da Dunlop Pneus

Notícias
Chico da Boleia entrevista consultor técnico comercial da Dunlop Pneus Célio Queiroz participa do bate-papo, nesta terça-feira (1º), trazendo novidades sobre a empresa Na terça-feira (1º), o Chico da Boleia começa a série de lives com o consultor técnico comercial da Dunlop Pneus, Célio Queiroz. O bate-papo começa mais cedo, às 14h, com transmissão pelo canal do Youtube e também pela página do Facebook. O encontro tem como objetivo anunciar uma nova parceria da empresa e também abordar questões ligadas a qualidade e durabilidade dos pneus produzidos pela empresa aqui no Brasil, principalmente para veículos pesados. A Dunlop Pneus existe há 120 anos, quando John Boyd Dunlop criou o primeiro pneu movido a câmara de ar, conhecido como “pneumático”.  Na época (1888), os pneus eram feitos
Empresa de transporte abre 30 vagas para pessoas com deficiência, em Ribeirão Preto, SP

Empresa de transporte abre 30 vagas para pessoas com deficiência, em Ribeirão Preto, SP

Notícias, Vagas
É necessário comprovar o tipo de deficiência no currículo. Em Cravinhos (SP), tem vaga temporária para balconista de frios. Uma empresa de Ribeirão Preto (SP) busca pessoas com deficiência que tenham experiência na área administrativa, como faturamento e setor financeiro. São 30 vagas oferecidas, com salários que variam de R$ 1 mi a R$ 3 mil, além de benefícios. Para participar do processo seletivo, é necessário constar no currículo o tipo de deficiência da qual a pessoa é portadora. Por exemplo, auditiva, física, visual, mental ou múltipla. A empresa pede que o candidato more em Ribeirão Preto e tenha disponibilidade para trabalhar de segunda a sábado, em horário comercial. Mais vagas Em Cravinhos (SP), a oportunidade é para uma vaga te
Jr Transportes está contratando Motorista Agregado

Jr Transportes está contratando Motorista Agregado

Notícias, Vagas
Jr Transportes está contratando Motorista Agregado. Detalhes da Vaga Motorista agregado Irá dirigir caminhão em trajetos pré:estabelecidos e transporte de mercadorias e documentos entre filiais e realizar entregas aos clientes,. Disponibilidade para viagens. Benefícios: A Combinar; Formação Acadêmica: Curso completo MOPP. Possuir cadastro no Pamcary. Experiência: Desejável experiência como motorista agregado. Salário: De R 2.001,00 a R 2.500,00 Cargo: Motorista Empresa: JR TRANSPORTES : SÃO JOSÉ DOS PINHAIS / PR Transporte rodoviário cargas. Ramo: Transportes Cidade: São José dos Pinhais Caso tenha interesse, envie seu currículo para: rh@jrtransportessp.com.br
Cerca de 500 mil caminhoneiros precisam se recadastrar no RNTRC

Cerca de 500 mil caminhoneiros precisam se recadastrar no RNTRC

Notícias
Certificados que tinham validade até 2020 precisam ser renovados até 31 de maio deste ano; quem não se recadastrar e continuar fazendo frete está sujeito a multa  A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) calcula de 500 mil caminhoneiros precisam fazer o recadastramento no RNTRC (Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas) até o dia 31 de maio deste ano. Quem não realizar o procedimento, mesmo que o certificado atual do transportador ainda esteja válido, estará sujeito a multa. A antecipação do recadastramento é necessária por causa da resolução 4.799, publicada pela ANTT em 2015. A norma atualizou os procedimentos para inscrição e manutenção no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas. Por isso, aqueles registros que venceriam entre 2017
COMUNICADO – FISCALIZAÇÕES DA ANTT NAS EMPRESAS

COMUNICADO – FISCALIZAÇÕES DA ANTT NAS EMPRESAS

Notícias
O SINDICAMP informa que desde o ano passado a ANTT tem realizado fiscalizações nas empresas de transporte rodoviário de carga, dentro das atribuições que lhe são dadas pela legislação, sem notícias de que tenham sido geradas quaisquer autuações e/ou penalidades oriundas de tais inspeções. Assim, visando evitar surpresas e preocupações descabidas, informamos que, segundo chegou a conhecimento desta entidade, referidas fiscalizações têm observado seguinte procedimento: A ANTT envia ofício, por correio, informando data em que haverá a fiscalização (com antecedência aproximada de 10 dias), bem como o período que será objeto de fiscalização (aprox. 2 semanas). No referido ofício são solicitadas: Separação de seguintes documentos, para inspeção: Recolhimento da Guia de Contrib
Sobre o RNTRC e o recadastramento – Obrigação legal

Sobre o RNTRC e o recadastramento – Obrigação legal

Notícias
NOTA DA NTC&LOGÍSTICA O RNTRC (Registro Nacional dos Transportadores Rodoviários de Cargas) foi instituído pelo art. 14-A da Lei nº 10.233, de 5/6/2001, que dispõe, de forma taxativa: “O exercício da atividade de transporte rodoviário de cargas, por conta de terceiros e mediante remuneração, depende de inscrição do transportador no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Carga – RNTRC” (o grifo é nosso).  Alguns anos mais tarde, foi aprovada a Lei nº 11.442, de 5/1/2007, cujo art. 2º reafirma a inscrição no RNTRC como condição indispensável ao exercício da atividade econômica do TRC e atribui à ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) a responsabilidade de implantá-lo e administrá-lo.  Portanto, quando a ANTT cuida de implantar o RNTRC, ela está apenas dando c