Qual a semelhança entre a mecânica de um carro com a de um caminhão?

No quesito avaliação de carros usados muitos mitos são criados e difundidos. Proprietários e ex-donos de veículos apresentam visões que nem sempre condizem com a realidade. Por isso, é importante que uma avaliação de veículos usados seja sempre acompanhada de um profissional e que o comprador tenha o mínimo de conhecimento sobre o funcionamento do veículo.

Toda questão levantada só deixa mais em dúvida futuros compradores. Durante avaliações para escolherem o veículo de interesse, os próximos proprietários se enchem de perguntas sobre tantos pontos, principalmente sobre a parte mecânica dos veículos.

Assim, este artigo discorrerá sobre a mecânica dos veículos no momento da avaliação de carros usados e fará um paralelo entre a mecânica de um carro e a mecânica de um caminhão. Acompanhe a leitura.

A mecânica de um carro

Provavelmente essa seja familiar a maioria dos motoristas, no momento da habilitação para dirigir, todos são obrigados a conhecer um pouco sobre a mecânica de um carro.

Uma das principais peças de um carro é o chassi. É nele que a maioria das outras peças do veículo serão integradas. Além disso, o chassi recebe um número veículo, para efeito de conferência por parte dos órgãos legais.

A mecânica do carro é divido em sistemas, entre os principais estão:

Motor – responsável por gerar a energia mecânica (movimentação do carro) através da queima de energia térmica (combustível). O motor é divido em subsistemas (sistema de ignição, alimentação e lubrificação).

Transmissão – leva a força do motor até as rodas.

Direção – responsável por transmitir os comandos do motorista.

Freios – também dividido em subsistemas: freio do motor (marchas do carro), freio de serviço (pedal no interior do veículo) freio para estacionamento (freio de mão).

Sistema elétrico – responsável por gerar energia, além de armazenar e distribuir toda a carga para os demais sistemas do veículo.

Sistema de arrefecimento – responsável por diminuir a temperatura em excesso produzida pelo motor do veículo. Para isso, o arrefecimento utiliza água ou ar (no caso de motos e carros antigos).

Além desses, ainda temos o sistema de rodagem, distribuição e carroceria.

A mecânica de um caminhão

A mecânica de caminhões já não é tão comum para o brasileiro em geral. A maioria das pessoas não se interessam muito, já que poucos possuem a habilitação que os qualificam para dirigir caminhões.

Porém, conhecimentos adicionais sempre são necessários. É sempre bom estar preparado caso uma situação demande informações que você não costuma usar no seu dia a dia.

Mas, no geral, o sistema mecânico do caminhão é bem parecido com o do carro, só que com algumas diferenças.

Assim como os carros, o caminhão possui os sistemas de arrefecimento, suspensão, transmissão, motor, elétrico, entre outros. Porém, existem peças da mecânica que são exclusivas do caminhão, como por exemplo o freio a ar.

Freio a ar – desenvolvidos para serem aplicados em trens, o sistema de freio a ar funciona comprimindo o ar, fazendo a coleta de ar junto com a admissão do ar do motor. Parece até um pouco complexo, mas, basicamente, o compressor regula o ar que controla a pressão dos freios.

Como foi desenvolvido para grandes máquinas, esse sistema é perfeito para diminuir e parar caminhões que carregam toneladas de carga.

Conclusão

Então, podemos concluir que existem várias semelhanças entre a mecânica de um carro e a mecânica do caminhão, porém, cada um dos veículos carrega suas particularidades. É importante que antes da avaliação de carros usados ou caminhões, o motorista tenha um conhecimento sobre o funcionamento dos veículos.

Se informar antes de qualquer negociação é importante para não ser ludibriado e manter todo o processo de forma coesa e segura.

Mais um dica interessante sobre avaliação de veículos é a utilização de plataformas online para estes fins. A instacarro, por exemplo, possui um dos sistemas mais confiáveis na internet em termos de avaliação de carros. Ainda existem outras ferramentas disponíveis na rede. A melhor parte é que avaliação disponibilizada nos sites é feita de forma rápida e segura.

Comentarios