Plenário mantém em MP exigência de curso de reciclagem para caminhoneiros

O Plenário da Câmara dos Deputados rejeitou o destaque do PTB à Medida Provisória 673/15 e manteve a exigência de que o motorista profissional de caminhões ou ônibus seja convocado pelo Detran para fazer curso preventivo de reciclagem para evitar que tenha a carteira de motorista suspensa por acúmulo de pontos devido a infrações de trânsito.

Os deputados já aprovaram o relatório do deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA) para a MP, que dispensa de licenciamento e de emplacamento máquinas agrícolas (tratores, colheitadeiras, retroescavadeiras e pulverizadores).

Também foi votada e rejeitada emenda do deputado Rubens Bueno (PPS-PR) que pretendia atribuir aos fabricantes de máquinas agrícolas a responsabilidade pelo cadastro das máquinas agrícolas.

Fonte: Câmara

Comentarios