Librelato apresenta novo diretor comercial

Rafael Bett assume cargo de diretor comercial e Pedro Bolzzoni será executivo da Abralib

A Librelato S.A Implementos Rodoviários, empresa catarinense, apresenta o novo diretor comercial, Rafael Zanrosso Bett, que assume o lugar de Pedro Bolzzoni, que passa a ocupar o cargo na Associação Brasileira de Distribuidores Librelato (Abralib).

Bett, que atua na Librelato desde maio de 2012 como gerente de exportação, é graduado em administração de empresas com habilitação em comércio exterior pela Universidade de Caxias do Sul, possui MBA pela Fundação Getúlio Vargas em Comércio Internacional e Gerenciamento de Projetos, além de Pós MBA em Inteligência Empresarial. Profissional com mais de 15 anos de experiência no mercado internacional de semirreboques.

Foi responsável por estruturar o departamento de exportação e consolidar a empresa como a segunda principal exportadora de semirreboques do Brasil, com mais de dois mil equipamentos enviados para fora do país no período. “Assumir a diretoria comercial da Librelato é uma grande honra e também um enorme desafio, mas espero atender às expectativas da empresa, representantes e clientes, gerando valor a todos os envolvidos”, ressalta Bett.

Agora atuando como executivo na Abralib, Bolzzoni é formado em Engenharia Operacional e tem mais de 40 anos de experiência no setor de implementos. Atuou como gerente de engenharia e gerente nacional de vendas. Chegou na Librelato em 2009, quando assumiu o cargo de diretor de rede de distribuidores. Depois foi para a diretoria comercial, onde montou a Rede Librelato, desenvolvendo 54 casas de representantes.

Sobre a Librelato S.A: Desde 1969 atuando no mercado de transportes, atradicional fabricante de implementos rodoviários de Santa Catarina possui três unidades fabris nas cidades de Içara (Matriz), Criciúma e Orleans, onde fabrica coletores de lixo, através da Libremac. A Librelato S.A faz parte da Anfir (Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários) e produz para todo o mercado brasileiro, além de exportar para países como Argentina, Chile, Colômbia, Uruguai, Paraguai, Equador, Peru e Bolívia.

Para mais informações acesse o site www.librelato.com.

Comentarios