Caminhoneiros seguem com bloqueios em rodovias de MG

Interdição é feita desde a segunda-feira (1º). BR-381 tem 5 pontos fechados, BR-040 tem 2 trechos.

Caminhoneiros fecharam a BR-040, na altura do km 564, no trevo de Ouro Preto (MG), sentido Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (Foto: Denilton Dias/O Tempo/Estadão Conteúdo)
Caminhoneiros fecharam a BR-040, na altura do km 564, no trevo de Ouro Preto (MG), sentido Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (Foto: Denilton Dias/O Tempo/Estadão Conteúdo)

Trechos da BR-381 continuam interditados para tráfego de veículos de carga, nesta terça-feira (2), em Minas Gerais. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os kms 295, em Antônio Dias; 359 em João Monlevade; 513 em Igarapé; 589 em Carmópolis de Minas; e 617 em Oliveira ainda têm bloqueios.

Na BR-040, o km 807 em Matias Barbosa também está fechado. A interrupção acontece por causa da manifestação de caminhoneiros. O km 628 em Conselheiro Lafaiete foi liberado às 7h27 desta terça-feira.

Ainda na 040, no km 517 em Contagem, na Grande BH, às 7h25, populares fecharam as pistas para todos os tipos de veículos, no sentido Belo Horizonte.

Segundo a Polícia Militar Rodoviária, populares se aglomeram no km 48 da MG-020, em Jaboticatubas. No km 86 da MG-050, em Itaúna, pista parcialmente fechada por manifestantes.

Nesta segunda-feira
Na BR-381, foram registrados cinco pontos de protestos, três deles começaram durante a madrugada desta segunda-feira (1º) e seguiram por todo o dia: Igarapé, km 513; João Monlevade, km 359; e São Gonçalo do Rio Abaixo, km 365. Da mesma forma, também foram os protestos que começaram pela manhã em Antônio Dias, km 295; e em Carmópolis de Minas, km 589. Outro ponto de interdição foi em Betim, no km 502, onde cerca de 200 manifestantes fecharam totalmente a rodovia.

Os três pontos de protestos registrados pela polícia na BR-040 começaram pela manhã. Os trechos em Nova Lima (km 564) e em Congonhas (km 603) chegaram a ficar totalmente interditados. Já em Matias Barbosa, km 807, o trânsito estava fechado para veículos de carga.

Em outras estradas de Minas Gerais também foram registrados protestos. Cafeicultores fecharam pela manhã o km 50 da BR 262, em Manhuaçu, na Zona da Mata mineira. Segundo a PRF, eles reivindicam melhores preços do café. O protesto ocorreu no trevo de Realeza. O trecho foi totalmente liberado por volta das 16h20, conforme a PRF.

Em Araguari, no Triângulo Mineiro, estudantes fecharam parte da BR-050 na noite desta segunda-feira, para protestar contra o valor dos pedágios, conforme a polícia rodoviária. A interdição foi na altura do km 41. Por volta das 20h50, o trânsito foi liberado.

Rodovias estaduais
Em Santa Luzia, na Região Metropolitana, o km-35 da MG-20 foi fechado desde a manhã até a tarde desta segunda-feira.

Cerca de 250 manifestantes colocaram fogo em pneus e interditam a LMG-808, no bairro Darcy Ribeiro, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

A MG-424, no entroncamento com a MG-010, em Vespasiano, ficou fechada até as 9h40 desta segunda-feira (1º). Populares colocaram fogo em pneus e fecharam a via.

Os protestos nas rodovias estaduais pediam melhorias urbanas, como a construção de passarelas e de rotatória, segundo a PM Rodoviária.

G1

Comentarios