68ª Edição Nacional – Jornal Chico da Boleia

Mais um agosto e mais um mês de “Cachorro Louco”

Companheiros e companheiras do trecho, em agosto de 2015 já tratei do assunto neste espaço, mas volto a escrever novamente e os amigos vão entender! Os (as) companheiros (as) que tem um pouco mais de 50 anos e cresceram no interior do Estado lembram desta história do “cachorro louco” no mês de agosto.

E a bem da verdade, fui pesquisar o porquê do referido mês ter esta fama ruim. O fato é que eu não achei nenhuma literatura convincente a respeito. Existe quem diga que tem a ver com a 2ª Guerra Mundial e as bombas de Hiroshima e Nagasaki. E há outros que comentam que isso ocorre em função de no referido mês existir uma grande incidência de cadelas no cio fazendo que os machos briguem e acabem transmitindo a raiva pela saliva.

Enfim, porque eu estou falando disso? Simples! Lendo as notícias da grande imprensa e vendo os acontecimentos, parece que realmente no mês de agosto alguns setores piraram de vês.

A briga da classe política continua intensa e parece briga de foice no escuro. Isso acontecia em 2016 e continua acontecendo, sem contar a briga ou melhor, a guerra declarada entre Ministério Público e Ministros do Superior Tribunal Federal.

O presidente dos Estados Unidos da América, continua fora de si e está em guerra permanente com a Coreia do Norte, que tem outro maluco no comando, o Senhor Kim Jong. Diríamos que só por estes dois personagens o titulo já estaria devidamente explicado.

No nosso setor, a história passa pela discussão do Marco Regulatório do Transporte, que significa pegar toda legislação sobre transporte colocar em um lugar só. Só que a primeira pergunta que vem – e ela é bem simples – é sobre a realização de FISCALIZAÇÃO. Se hoje não se fiscaliza praticamente nada, por que criar mais regras se já sabemos de antemão que não vai haver fiscalização?

Já falamos e voltamos a repetir: passou da hora da economia descolar da política. No nosso setor de Transportes de Cargas a percepção é a mesma, está na hora de virar o jogo, sair da crise, seguir em frente.

Basta uma análise simplista para ver que o problema pelo qual o Brasil passa é mais político do que econômico. Existem problemas pontuais que podem e vão ser superados.

No mais, convido a todos a visitarem nosso site www.chicodaboleia.com.br e nos acompanharem nas redes sociais Facebook, Twitter e Instagram.

Até a próxima edição!
Chico da Boleia
Sempre com orgulho de ser caminhoneiro

Comentarios