Treinos livres de sábado são marcados por tempo instável em Caruaru.

A terceira etapa da categoria automobilística mais popular da América Latina, a Fórmula Truck, pode ser marcada pela chuva neste domingo. Os treinos livres da manhã deste sábado (18) aconteceram com o tempo nublado e com chuva.

Com o tempo fechado, os 24 pilotos que disputarão a etapa do Campeonato Brasileiro e Sul-Americano do GP Aurélio Batista Félix, esquentaram a pista do Autódromo Internacional Ayrton Senna de Caruaru, Pernambuco. O melhor tempo ficou com Beto Monteiro, da Scuderia Iveco. O pernambucano marcou 1min48s577.

Roberval Andrade, da Ticket Corinthians Motorsport, fez o segundo melhor tempo e cravou 1min48s722, seguido de Welligton Cirino, da ABF/Mercedes-Benz, Leandro Totti, da Man Latin America Racing Team e Djalma Fogaça da equipe 72 Sports/Ford Racing Trucks.

Ao final do treino, Diogo Pachenki, da ABF Racing Team, bateu na proteção de pneus no fim da reta oposta. Segundo informações da Assessoria de Imprensa da Fórmula Truck, Diogo explicou que a polia que refrigera o motor quebrou, cortando a mangueira de água do radiador, o que causou o escoamento de águas nos pneus. O piloto não conseguiu frear e bateu.

A segunda sessão de treinos livres deste sábado começou com chuva. Leandro Totti, da RM Competições, voltou a fazer bons tempos e fechou com 1m48s707. Em seguida vieram Geraldo Piquet, da ABF Mercedes-Benz, Adalberto Jardim da RM Competições, Beto Monteiro da Scuderia Iveco, e Regis Boessio da Boessio Competições.

Na tarde deste sábado ainda ocorrerão o treino classificatório e o Top Qualifying,  que definem o grid de largada para a terceira etapa do GP Aurélio Batista Félix da Fórmula Truck. Para informações sobre ingressos para a corrida deste domingo (19) acesse: www.formulatruck.com.br

Informações técnicas: Fórmula Truck

Redação Chico da Boleia

 

 

 

Comentarios