Tag: russia

Polêmico imposto sobre circulação asfixia caminhoneiros russos

Polêmico imposto sobre circulação asfixia caminhoneiros russos

Notícias
Platão, o polêmico imposto sobre a circulação implantado pela Rússia aos caminhões pesados e de longa distância que provocou protestos de caminhoneiros em todo o país, começou a tirar do mercado os operadores menores, segundo a empresa lituana de logística ABIPA. "Para as empresas de transporte de mercadorias, fica muito complicado obter benefícios", disse a diretora comercial da ABIPA, Natalia Kuzovkina. O sistema de cobrança eletrônica de pedágios (ETC) foi implantado em novembro de 2015 como uma forma de arrecadar recursos estatais para manter e melhorar as estradas. Em abril de 2017, o Kremlin subiu a tarifa ETC de Platão em 25% para 1,90 rublos (R$ 0,10) por quilômetro. A execução de Platão provocou denúncias de corrupção por parte da oposição, já que a gestão do sistema, inc
Caminhoneiros em greve tem apoio da população na Rússia

Caminhoneiros em greve tem apoio da população na Rússia

Notícias
Mais de 70% dos moradores de Moscou cientes dos protestos realizados por motoristas de caminhão apoiam tais ações, segundo uma pesquisa divulgada nesta semana pelo instituto de pesquisa independente Centro Levada.  Embora a maioria dos moscovitas estejam familiarizados com a manifestação, 21% dos moradores da capital disseram não ter ouvido nada sobre o protesto, e outros 2% hesitaram em responder, indicou o relatório do Levada. “Mas entre aqueles que disseram saber sobre o protesto, 71% expressaram forte ou moderado apoio a iniciativa”, diz um dos autores do protesto. Os caminhoneiros estão protestando há mais de um mês contra um novo sistema fiscal, chamado Platon, que estabelece impostos adicionais a caminhões pesados em circulação nas rodovias federais. O sistema irá corroer seus
Rússia desenvolve caminhão sem motorista para andar até na neve

Rússia desenvolve caminhão sem motorista para andar até na neve

Notícias
Um caminhão capaz de circular sem motorista, inclusive no campo, e a velocidades de até 60 km/h em condições climáticas adversas já é uma realidade graças ao trabalho de uma universidade russa e da fabricante Kamaz. “Muitos outros fabricantes, como Volvo e Daimler, também trabalham em automóveis-robô. Mas nós conseguimos fazer com que nosso Kamaz circule sem motorista com mau tempo, com nevoeiro, chuva ou neve”, explicou Alevtina Chernikova, reitora da Universidade Tecnológica MISIS de Moscou. Essa universidade, o primeiro centro de pesquisa nacional da Rússia, desenvolveu “os olhos do caminhão”, um complexo programa ótico que analisa o ambiente pelo qual circula o veículo e transmite a informação ao sistema de inteligência artificial que o conduz. O caminhão já passou por 2 testes ne