Tag: demanda

CNT lança nova rodada da Pesquisa de Impacto no Transporte – Covid-19

CNT lança nova rodada da Pesquisa de Impacto no Transporte – Covid-19

Notícias
CNT lança nova rodada da Pesquisa de Impacto no Transporte – Covid-19 As empresas têm até sábado, dia 27, para preencher o levantamento A Confederação Nacional do Transporte (CNT) começou a coletar informações para a 6ª rodada da Pesquisa de Impacto da Covid-19 no Setor de Transporte. As empresas têm até sábado, dia 27, para preencher o levantamento que visa identificar a situação do setor diante da crise global provocada pela pandemia do novo coronavírus. O diferencial desta edição é retratar o momento atual das empresas um ano após as intensas restrições da pandemia. A ideia é buscar informações sobre os aspectos de faturamento, demanda, endividamento e perspectivas dos negócios, além da capacidade de pagamento, manutenção de postos de trabalho e necessidade de se recorrer a crédito
Para atender alta demanda, pneus de caminhões precisam estar em perfeito estado

Para atender alta demanda, pneus de caminhões precisam estar em perfeito estado

Notícias
Para atender alta demanda, pneus de caminhões precisam estar em perfeito estado Goodyear dá dicas para melhorar a autonomia dos pneus e, consequentemente, diminuir custos para condutores e das frotas Concentrando duas das principais datas do comércio, o final do ano é tradicionalmente um período com maior demanda no transporte de cargas. E neste ano não será diferente, considerando o crescimento do e-commerce em razão da pandemia. Só no primeiro semestre de 2020, as compras online tiveram alta de 47%, a maior em 20 anos (pesquisa Ebit Nielsen). Diante deste cenário, que deve impactar em maior fluxo de veículos pesados nas estradas e nas ruas das cidades, é fundamental que os condutores fiquem atentos à manutenção dos caminhões e, em especial, dos pneus. Por esse motivo, a Goodyear sel
Agronegócio e e-commerce puxarão demanda por frete em 2021

Agronegócio e e-commerce puxarão demanda por frete em 2021

Notícias
Agronegócio e e-commerce puxarão demanda por frete em 2021 Setores foram essenciais para a economia durante o período da pandemia A demanda por frete gerada pelo agronegócio cresceu 6,5% no acumulado de janeiro a outubro na comparação com mesmo período do ano passado. E deverá continuar aquecida em 2021 neste e em outros segmentos O agronegócio está sendo responsável por evitar um tombo ainda maior na economia brasileira em 2020. E, consequentemente, é um dos setores que mais vem demandando frete. No acumulado de janeiro a outubro, a alta é de cerca de 6,5%. O dado é da Repom, que atua na área de gestão e pagamento de despesas de frotas. O bom resultado é reflexo da necessidade de escoamento da produção agrícola. Sobretudo voltado às exportações. Há, contudo, uma tendência de queda.
Transporte de cargas espera grande volume de demanda em Black Friday

Transporte de cargas espera grande volume de demanda em Black Friday

Notícias
Transporte de cargas espera grande volume de demanda em Black Friday Transportadoras já começam os preparativos para a data No ano de 2019, a Black Friday movimentou 3,2 bilhões de reais em compras online de acordo com levantamento da Ebit-Nielsen, empresa que monitora as movimentações do e-commerce no Brasil. Esse número contempla um aumento de 23,6%, em relação ao mesmo período de 2018, quando as vendas ficaram em 2,6 bilhões de reais. Todo esse volume de compras pela internet movimenta outro setor que é responsável por levar as mercadorias até os consumidores: o transporte de cargas. Este é responsável pela movimentação de 65% de todo o volume de carga, com 75% da produção do país sendo escoada através da malha rodoviária. As transportadoras vêm se mantendo otimistas para a data d
Demanda de carga em São Paulo  tem melhora consecutiva

Demanda de carga em São Paulo tem melhora consecutiva

Notícias
Para especialista do setor o aumento no volume de carga pode ter relação com a reabertura do comércio Por conta da pandemia de coronavírus, e como consequência das medidas de isolamento, o volume da demanda de cargas em São Paulo despencou, chegando a uma queda de quase 50% em abril, segundo dados da NTC&Logística (Associação Nacional de Transporte & Logística), que vem acompanhando essa variação desde o mês de março. Mesmo que o transporte rodoviário de cargas tenha sido considerado essencial pelo governo federal, e por isso não tenha parado, a quantidade do serviço diminuiu, acompanhando a baixa de alguns segmentos industrias, e principalmente, do comércio. No entanto, o último boletim da associação com dados do mês de junho aponta uma queda de -35% no estado paulista, isso co
Demanda por transporte rodoviário de cargas no Brasil tem 1º recuo em um mês

Demanda por transporte rodoviário de cargas no Brasil tem 1º recuo em um mês

Notícias
De acordo com o levantamento, houve uma queda de 2 pontos percentuais em relação à semana anterior, quando o registro havia atingido o melhor nível desde março A demanda por transportes rodoviários de cargas no Brasil piorou pela primeira vez em quase um mês na última semana, atingindo queda de 35,94% em relação aos níveis verificados antes da pandemia de coronavírus, indicou pesquisa divulgada nesta quarta-feira pela NTC&Logística. De acordo com o levantamento do Deprtamento de Custos Operacionais (DECOPE) da entidade, houve uma queda de 2 pontos percentuais em relação à semana anterior, quando o registro havia atingido o melhor nível desde março. O último recuo havia sido registrado na semana entre 18 e 24 de maio. Apesar do resultado negativo na semana passada, a demanda ainda
Situação dos transportadores é crítica após três meses de pandemia

Situação dos transportadores é crítica após três meses de pandemia

Notícias
Terceira Rodada da Pesquisa de Impacto no Transporte - Covid-19, da CNT, revela que empresas transportadoras não têm recebido o apoio necessário para reduzir impactos da crise; 80,6% tiveram redução de demanda em maio   Após três meses de pandemia da covid-19 no Brasil, as transportadoras encontram-se em situação crítica. Só em maio, terceiro mês da crise, 80,6% das empresas de transporte apresentaram queda de demanda, sendo que quase dois terços delas (61,2%) indicaram que essa retração foi significativa. É o que revela a terceira rodada da Pesquisa de Impacto no Transporte - Covid-19, divulgada pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) nesta quinta-feira (18). Foram ouvidas 619 empresas de cargas e de passageiros de todos os modais de transporte entre os dias 5 e 10 de junho.