Site CarroBonito.com dá Dicas para a Troca de Óleo do Carro

CURITIBA, Brasil, 13 de março de 2020 /PRNewswire/ — Quem tem um automóvel, sabe como é difícil manter os gastos contínuos dele. Agora imagina ter que gastar com algo que não foi previsto, como a falta de água ou a falta ou vencimento do óleo. E é justamente sobre isso que vou falar nesta matéria, os problemas que podemos ter com o óleo do motor do carro.

Primeiramente vamos falar sobre o manual que todo carro possui quando sai de fábrica. Nele o fabricante menciona qual óleo devemos usar e qual o prazo para a troca do mesmo.

Em segundo lugar, para cada veículo, um tipo de óleo é recomendado, como o óleo sintético, o semissintético e o óleo de base mineral. A mistura destes tipos não é recomendada e caso tenha que completar o nível, primeiro complete com o mesmo tipo de óleo, e segundo, caso o nível esteja baixando frequentemente, algo está errado e algum vazamento está acontecendo.

Terceiro, a viscosidade do óleo é algo muito importante, onde o tempo de uso faz com que esta característica seja alterada, comprometendo o desempenho, o desgaste das peças e até o aumento do consumo de combustível. Além desses, o superaquecimento do motor pode acontecer e até fundir o mesmo.

Quarto, as condições de uso do veículo também são fatores que determinam a troca, seja pelo uso em regiões mais quentes, o uso prolongado em estradas ou até por longos períodos em engarrafamentos.

Quinto, enchentes e alagamentos são fatores que podem determinar a antecipação desta troca, para isso, verifique sempre o nível através da “vareta” e caso seja notado uma cor diferente ou o aumento desse nível, mais vale gastar com a troca de óleo, do que gastar com a retífica do motor.

A sexta dica fica por parte de como deve estar o carro na hora da verificação do nível do óleo, onde o chão deve ser plano.

Em sétimo lugar, o veículo deve estar por pelo menos cinco minutos desligado, isso garante com que o mesmo esfrie, evitando acidentes e que todo o óleo presente na parte superior do motor desça.

A próxima dica está em como ver o nível através da vareta. Retire a mesma e, usando um pano, faça a limpeza. Coloque a vareta no lugar, completamente encaixada e a retire. Nela contém as marcações de máximo e mínimo, onde o ideal é estar no meio delas. Muito baixo, tem pouco óleo e devemos acrescentar, e muito alto, devemos drenar, pois pode danificar o cárter. Uma dica mais que importante aqui é ter cuidado com o objeto que vamos limpar a vareta, evite estopa ou qualquer material que possa deixar sujeira na vareta, ela estará entrando no ambiente do motor, onde qualquer detrito pode causar danos nas peças envolvidas.

Nona dica, cuidado com a falsa impressão da textura e cor do óleo. O óleo com textura fina pode ser causado pela temperatura naquele momento, espere esfriar. Se tiver a cor escura, o óleo está lubrificando e limpando corretamente as peças.

Dica número dez. Algumas pessoas podem ter aquela “pulga atrás da orelha” na hora desta verificação. Nunca faça isso na hora do abastecimento, por conta da temperatura e tempo de espera. Procure um mecânico de confiança, ele irá falar qual a quantidade e qual óleo deve comprar, com isso, podemos pesquisar melhor os preços de compra, onde geralmente os postos vendem por preços mais “abusivos”.

A 11ª dica é algo bem delicado, estou falando do uso de aditivo. Especialistas dizem que não é necessário em carro novos, apenas em carros mais antigos, porém, o manual do usuário do veículo e aquele mecânico de confiança são as consultas mais eficazes para este, que podemos chamar, vilão.

A dica número 12 é que sai mais barato a manutenção preventiva do que a corretiva. Em casos mais raros, a troca de óleo pode chegar a R$ 200,00, o que nada se compara em fazer uma retífica de motor.

A penúltima dica está no termo “faça você mesmo”. Se você for um mecânico ou tem a experiência necessária para isso, tudo bem, se não, o investimento da troca num lugar especializado sairá mais barato do que os riscos.

Finalizando, trocou o óleo, troque o filtro. O que adianta um óleo novo com um filtro velho?

Nessas dicas podemos notar a diferença entre gastar e investir. Invista na troca de óleo, para não gastar com os problemas que podem acontecer com óleo vencido!

Para conferir mais dicas e notícias sobre carros, acesse o site https://www.carrobonito.com/.

Expediente:

BLOGOLANDIA LTDA.
Avenida Cândido de Abreu, 776 / 803 – Centro Cívico
CEP: 80.530-000 – Curitiba – Paraná – Brasil
www.blogolandialtda.com.br
blogolandiabrasil@gmail.com
+55 (41) 2105-5913
+55 (41) 9 9142 0228
+55 (41) 9 9255 7758

FONTE Site CarroBonito.com

Comentarios