Oferta de fretes de soja aumenta 189% no segundo trimestre, revela FreteBras

Na comparação com o mesmo período de 2019, o estudo aponta que de janeiro a março o crescimento foi de 71%. (Foto: reprodução)

Oferta de fretes de soja aumenta 189% no segundo trimestre, revela FreteBras

Crescimento total do semestre alcança 151% na comparação com o mesmo período do ano anterior

Um levantamento realizado pela FreteBras, maior plataforma online de transporte de cargas da América do Sul, revela aumento significativo nas ofertas de fretes de soja no primeiro semestre deste ano. Na comparação com o mesmo período de 2019, o estudo aponta que de janeiro a março o crescimento foi de 71%, já no segundo trimestre alcançou 189%.

– Possuímos na FreteBras um grande volume de fretes com veículos capazes de transportar esse tipo de carga e, por isso, este estudo reflete muito bem o comportamento do mercado. Registramos aumento de 151% na oferta de fretes nas principais rotas de exportação da soja ao compararmos o primeiro semestre de 2020 com o mesmo período do ano passado – explica Bruno Hacad, Diretor de Operações da FreteBras.

Principais rotas de frete de soja

O estudo da FreteBras analisou as principais rotas de exportação de soja do Brasil e verificou aumento de 50% na oferta de fretes originados no Paraná. Além disso, a pesquisa mostra crescimento de aproximadamente 50% em Goiás, 25% no Rio Grande do Sul e 68% em Mato Grosso.

– Dentro do Rio Grande do Sul, o transporte de soja registrou aumento significativo de 317%. No Paraná, esse crescimento chegou a 80%. Quando analisamos as rotas do Mato Grosso para o Paraná, o crescimento supera os 35%. De Minas Gerais para São Paulo, houve aumento de 33% e, de Goiás para São Paulo, 89% – analisa Hacad.

Fretes de soja por tipo de veículo

Principal produto de exportação para a economia brasileira, a soja tem seu frete ofertado na maior parte por veículos rodotrem (59%), de acordo com o estudo da FreteBras. Em seguida,  a opção mais utilizada são os veículos do modelo Vanderleia (29%) e bitrem (7%)

– A safra de soja 2019/20 do Brasil poderá atingir cerca de 122 milhões de toneladas, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Temos uma projeção de safra recorde no ciclo 2020/2021 e o aumento na movimentação dos portos mostra alta na exportação da soja em grão e processada, que corresponde a farelo e óleo – finaliza Hacad.

Metodologia da pesquisa

Os números foram levantados por meio da plataforma da FreteBras, que possui mais de 420 mil caminhoneiros cadastrados, o que equivale a um terço dos caminhoneiros do Brasil. No site são publicados quase 600 mil fretes mensalmente. Atualmente, o Brasil tem cerca de 1,2 milhão de caminhoneiros, sendo que 500 mil são autônomos, segundo a Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT.

Comentarios