Fábrica da Eaton de Mogi Mirim é a primeira na América do Sul a alcançar marco de “Zero Resíduos para Aterro Sanitário”

unnamed_5

A Eaton de Mogi Mirim (SP), fábrica do Grupo Veículos responsável pela produção de componentes mecânicos de transmissão como engrenagens, eixos e sincronizados para o mercado automotivo brasileiro, alcançou o importante marco de “Zero Resíduos para Aterro Sanitário”. Por meio de ações de reciclagem, reuso e novos processos de trabalho, a unidade eliminou praticamente todos os resíduos enviados para aterro e foi a primeira a conquistar esse reconhecimento na América do Sul.

Um processo de auditoria intensiva implantado globalmente pela empresa verificou que, pelo menos, 98% dos resíduos de Mogi Mirim foram desviados de forma consistente por três meses. A iniciativa faz parte do programa da Eaton que também visa reduzir a liberação de gases de efeito estufa (GEE) associados com aterros sanitários, especialmente o metano, gás 20 vezes mais potente do que o dióxido de carbono.

O programa de redução de resíduos da unidade começou em 2014 e estabeleceu um plano para que resíduos provenientes de escritório, sucata metálica, papelão, paletes, plástico, e outros materiais passassem a ser reciclados, reutilizados, convertidos em energia ou eliminados do processo de trabalho. De acordo com Adriano Fassina, diretor Industrial da planta, outro fator importante que contribuiu para o resultado foi o treinamento de funcionários e o engajamento de todos os envolvidos.

“Fazer o que é certo para o meio ambiente faz parte da nossa cultura de fazer negócio de forma correta. A redução de resíduos é extremamente importante para nossa responsabilidade ambiental e, de fato, a coisa certa a fazer”, comenta o diretor.

Publicidade



Em 2015, a Eaton reduziu mundialmente seus resíduos depositados em aterro sanitário em mais de 23%, o que equivale a cerca de 6.000 toneladas. No total, foram eliminadas 5.300 toneladas de CO2 durante o transporte e armazenamento dos resíduos para o aterro que, de outra forma, teriam sido lançadas para atmosfera.

“Com a ajuda do departamento corporativo de Meio Ambiente, Saúde e Segurança da Eaton, nossa unidade foi capaz de integrar novos processos de trabalho e treinamentos de conscientização dentro dos processos de negócios existentes da Eaton”, disse Graziela Santos, gerente de EHS. ”Rapidamente, a cultura de sustentabilidade se desenvolveu entre os nossos funcionários” completou.

Sobre a Eaton

A Eaton é uma empresa global de gerenciamento de energia com vendas de U$ 20.9 bilhões em 2015. Fornecedora de soluções de eficiência energética, ajuda seus clientes a gerenciar a energia elétrica, hidráulica e mecânica de forma eficaz, segura e sustentável. A empresa conta com aproximadamente 96 mil funcionários e vende seus produtos para clientes em mais de 175 países. Para mais informações, acesse  www.eaton.com.br

Comentarios