Final da Competição “Melhor Motorista de Caminhão do Brasil” da Scania esquenta a capital paulista neste final de semana!

A etapa final da competição “Melhor Motorista de Caminhão do Brasil” (MMCB) chega até a capital paulista e promete esquentar o final de semana. Desde ontem, os 24 finalistas foram colocados à prova e a qualidade técnica dos participantes tem impressionado a coordenação do evento.

Finalistas da Competição de Melhor Motorista de Caminhão do Brasil

Realizada pela Scania, a competição cruzou 12 mil quilômetros por todo o país, em 12 finais regionais que acontecerem durante as 24 etapas. Desde a criação do evento em 2005, este foi o ano que recebeu o maior número de inscritos, totalizando 47 mil caminhoneiros e caminhoneiras que passaram por provas teóricas, práticas, de habilidade e condução.

O objetivo principal da competição é avaliar as habilidades dos condutores, valorizar os profissionais da boleia e contribuir para a segurança nas estradas. Segundo Rodrigo Machado, coordenador da competição da Scania, o MMCB oferece suporte para que os profissionais se desenvolvam e se atualizem tanto na carreira quanto na vida profissional. “O MMCB possui um papel social e profissional importante. Estima-se que um motorista treinado pode gerar economia de combustível de até 10%, o que contribui para a sustentabilidade. Por isso, todos os inscritos no MMCB ganham cursos promovidos pela Scania.” Frisou Rodrigo.

A edição do evento de 2012 foi dividida em três fases com 24 rodadas regionais em 12 cidades do país. A primeira fase aconteceu de 7 de maio a 26 de julho e os inscritos realizaram prova teórica e comprovação da habilitação de motorista. A segunda fase de finais regionais foi disputada de 28 de julho a 21 de outubro e os candidatos realizaram provas práticas de manobra, percurso e checklist. A terceira fase é a grande final que está acontecendo neste final de semana.

Um dos caminhões utilizados pelos competidores é o R440 3 eixos, uma edição especial da Scania em comemoração aos 55 anos da montadora. A versão vem com a caixa automática Scania Opticruise, que chega a economizar até 10% do combustível e poupar freios, pneus e componentes do sistema de transmissão.

Os 24 finalistas do MMCB são caminhoneiros autônomos e funcionários de transportadoras. O mais novo é Rafael Mrad Gonçalves, de Capim Branco, Minas Gerais. O mineiro é caminhoneiro há nove anos e trabalha na Cooig Log. Já o mais experiente dos finalistas é Cesar Augusto Alves da Silva, de 48 anos e natural de Santo André, São Paulo. César é caminhoneiro há 30 anos e atua no ramo de mineração em operações off road, além de ser instrutor na Fagundes Construção e Mineração.

Ontem, no primeiro dia de provas, os competidores foram avaliados a partir de três provas: check list dos itens do caminhão, avaliação teórica e teste de percurso. Além disso, todos eles receberam um treinamento de primeiros socorros ministrado por bombeiros. O melhor desempenho ficou por conta de Eliardo João Locatelli, de 31 anos e natural de Carazinho, Rio Grande do Sul.

Neste sábado, os 24 finalistas estão sendo avaliados em suas habilidades práticas. A primeira prova é a de avaliação precisa, que classifica 18 colocados. Esses aprovados passarão pelo teste Combo na parte da tarde, prova que classificará somente 6 motoristas para a prova do Rei. O campeão do MMCB será escolhido na prova Circuito em Z que avaliará os últimos 3 finalistas.

A competição que busca o melhor caminhoneiro do país também acontece em outros lugares do mundo. A primeira delas foi realizada em 2003 na Europa e reuniu 20 países. Em 2007, a ação tornou-se global e recebeu mais de 44 mil competidores nos cinco continentes. Países como a Coreia do Sul, a Austrália, a Malásia, a Namíbia e a Tanzânia já receberam as etapas da competição. O Brasil lidera todos os recordes de inscritos.

Independente do resultado dessa final do MMCB, todos os caminhoneiros finalistas e participantes são vencedores. A equipe do Chico da Boleia parabeniza a todos esses amantes da boleia que tiveram suas habilidades testadas e à organização da Scania por promover um evento tão bonito.

Dentre tantos vencedores, que vença a paixão pela profissão de caminhoneiro!

Larissa Jacheta Riberti

Equipe Chico da Boleia

Comentarios