A Celgard obtém êxito no Tribunal do Reino Unido com liminar contra importações de separadores de bateria da Senior por meio de julgamento

CHARLOTTE, Carolina do Norte, 6 de agosto de 2020 /PRNewswire/ — Após a concessão do tribunal do Reino Unido, no dia 7 de maio de 2020, de uma liminar interina contra a Shenzhen Senior Technology Material Co., Ltd. (Senior), conforme solicitação da Celgard, LLC (Celgard), uma subsidiária da Polypore International, LP (Polypore), e a ordem do tribunal do Reino Unido, do dia 21 de maio de 2020, continuando o efeito dessa liminar, o tribunal do Reino Unido emitiu a sentença, no dia 30 de julho de 2020, concedendo uma liminar por julgamento e emitirá ordem, nos termos solicitados pela Celgard, de bloqueio de importação pela Senior de separadores de bateria para o Reino Unido por julgamento. 

As membranas microporosas revestidas e não revestidas de processo a seco da Celgard® são usadas como separadores em várias baterias de íons de lítio, usadas, principalmente, em veículos com acionamento elétrico (EDV), sistemas de armazenamento de energia (ESS) e outras situações especiais.

A sentença do tribunal a favor da Celgard não apenas concedeu a liminar contra a Senior, como também considerou que a Celgard havia estabelecido uma questão séria a ser julgada, de que a Senior teria usado seus segredos comerciais no desenvolvimento e na fabricação de separadores de bateria, e que a Inglaterra era o fórum adequado para o conflito de importação. A Celgard pretende prosseguir totalmente com o caso de segredo comercial contra a Senior.

No dia 30 de abril de 2020, a Celgard apresentou um pedido de liminar urgente contra a Senior no Supremo Tribunal de Justiça de Londres, Inglaterra. No dia 7 de maio, em caráter ex parte, o tribunal do Reino Unido concedeu uma liminar provisória para impedir que a Senior importasse determinados separadores de bateria para o Reino Unido.

Anteriormente, no dia 2 de março, a Celgard registrou uma queixa contra os réus Shenzhen Senior Technology Material Co. Ltd. (Senior China), Shenzhen Senior Technology Material Co. Ltd. (EUA), Research Institute (Senior Califórnia), Xiaomin (Steven) Zhang, Sun Town Technology, Inc., Global Venture Development, LLC e Global Venture Development, Inc. (coletivamente, Global Venture) (coletivamente, réus do WDNC) no Tribunal Distrital dos EUA do Distrito do Oeste da Carolina do Norte (WDNC) por apropriação indevida de segredos comerciais, práticas comerciais desleais e enganosas e concorrência desleal, conspiração civil, enriquecimento e conversão injustos.

Além disso, a Celgard registrou segunda queixa alterada contra os réus, incluindo o Shenzhen Senior Technology Material Co. Ltd. (EUA), o Research Institute (Senior Califórnia) e outros (coletivamente, réus do NDCA) por violação de patente, quebra de contrato e quebra de contrato implícito de boa fé e negociação justa no Tribunal Distrital dos Estados Unidos, Distrito do Norte da Califórnia (NDCA). 

A queixa do WDNC alega que os réus do WDNC, inclusive um ex-funcionário da Celgard, Xiaomin (Steven) Zhang, hoje diretor de tecnologia da Senior da China, que mudou seu nome para Bin Wang a pedido da Senior da China, se apropriaram intencional e ilegalmente de segredos comerciais da Celgard e informações confidenciais e continua a fazê-lo. Houve alegação de várias outras violações da lei. 

A segunda queixa alterada do NDCA alega que os réus do NDCA infringem a patente reemitida RE47.520 norte-americana da Celgard (patente ‘520), anteriormente patente norte-americana 6.432.586 (patente ‘586) e a patente norte-americana da Celgard nº 6.692.867 (patente ‘867). Leia o comunicado.

Em dezembro de 2019, a Celgard registrou a primeira queixa alterada no NDCA, acrescentando ao processo os réus Farasis, Sun Town e Global Venture. Leia o comunicado. 

Em setembro de 2019, a Celgard entrou com uma ação contra a Senior, que vende separadores globalmente fabricados em Shenzhen, China. A queixa da Celgard alegou que a Senior havia violado as patentes norte-americanas ‘520 e’ 867 da Celgard, se apropriando ilegalmente dos segredos comerciais e das informações confidenciais da Celgard e usando-os incorretamente, entre outras violações, e pede indenização por danos. Leia o comunicado.

Em setembro de 2019, a Celgard fez acordo em um processo de violação de patente contra a Targray International. Leia o comunicado. A Celgard também fez acordo de duas ações, em junho de 2019, contra a MTI Corporation. Leia o comunicado.

A sentença do Reino Unido e o resultado bem-sucedido dos casos contra a Targray e a MTI solidificam ainda mais a integridade da propriedade intelectual da Celgard em relação aos separadores revestidos e não revestidos para baterias de íon de lítio. A Celgard continuará a impedir a exploração desleal de sua tecnologia e propriedade intelectual para proteger seus ativos e clientes.

Sobre a Celgard e a Polypore 

A Celgard é uma empresa especializada em membranas microporosas revestidas e não revestidas de processo a seco, usadas como separadores, que são componentes essenciais das baterias de íons de lítio. A tecnologia separadora de baterias da Celgard é importante para o desempenho das baterias de íon de lítio de veículos com acionamento elétrico, sistemas de armazenamento de energia e em outras situações.

A Celgard, LLC é uma subsidiária integral da Polypore International, LP, uma empresa Asahi Kasei.

A Polypore é uma empresa global, com instalações em nove países, especializada em membranas microporosas, usadas em veículos elétricos e não elétricos, sistemas de armazenamento de energia e situações especiais. Visite os sites www.celgard.com e www.polypore.com.

Polypore International, LP (PRNewsfoto/Polypore International, LP)

Foto – https://mma.prnewswire.com/media/1224867/Celgard.jpg
Logo – https://mma.prnewswire.com/media/798399/PolyPore_Logo.jpg

FONTE Polypore International, LP

Comentarios